Rádio e TV Educativa de MS

Home Posts Tagged "ao vivo"

ao vivo

Panorama MS discute preparação física para a chegada do verão. (Foto: BSPlan/Reprodução)

Panorama MS discute preparação física para a chegada do verão. (Foto: BSPlan/Reprodução)

A contagem regressiva para o verão foi aberta: faltando apenas dez dias para o início de uma temporada de sol, calor e, para muitos, férias, começam os cuidados diversos para aproveitar ao máximo a temporada. E isso inclui um condicionamento físico adequado, que tem levado as pessoas às academias e espaços de estética em busca de uma boa aparência para o período.

Os preparativos para o verão são o tema do Panorama MS desta terça-feira (11). Ao vivo dos estúdios da TVE Cultura, o apresentador Carlos Filho (o Professor Carlão) conversa com a preparadora física Letícia Couto e o médico Nicolas Contis Junior, especialista em Nutrologia, que vão falar sobre os cuidados com o corpo e a estética.

O programa ainda tem a participação de Clayton Sales no quadro O Assunto É Cinema, que traz as novidades da sétima arte em cartaz.

Quem quiser pode participar ao vivo do Panorama MS mandando comentários, sugestões e perguntas pelo WhatsApp (67) 9-9106-0300.

Apresentado por Luana Rodrigues e Carlos Filho, o Panorama MS reúne especialistas para discutirem temas de relevância local e nacional, reservando ainda espaço para a arte e cultura do Estado. A atração é produzida por Heloísa Mandetta (diretora de Redação do Jornalismo da emissora), Kárita Francisco e Yara Martins, contando ainda com reportagens de Daniela Benante, Elza Recalde e Helton Davis e edição de Zilda Vieira e do Professor Carlão.

O programa vai ao ar às terças e quintas-feiras, a partir das 12h, na TVE Cultura e também pelo Portal da Educativa (na aba Assista a TV e pelo Link Ao Vivo do site e na fan page da rede social Facebook).

Testes no local já foram realizados; transmissão da final do Tardão vai envolver equipe de 15 profissionais da TVE Cultura. (Foto: TVE Cultura)

Testes no local já foram realizados; transmissão da final do Tardão vai envolver equipe de 15 profissionais da TVE Cultura. (Foto: TVE Cultura)

A grande decisão do Tardão 2018/2º Semestre, da AABB (Associação Atlética Banco do Brasil) neste sábado (8) terá transmissão da TVE Cultura, dentro do Giro do Esporte. O programa terá uma edição especial ao vivo direto da sede da entidade, em Campo Grande, e, logo na sequência, levará para a telinha as disputas envolvendo os 32 atletas (28 jogadores e quatro goleiros), que, embora participem de um bate-bola coletivo, ganham pontuações individuais.

A transmissão segue o espírito da TVE Cultura de usar sua programação para dar visibilidade aos eventos que movimentam a sociedade sul-mato-grossense, incluindo aí os destaques no esporte amador e profissional: boxe, basquete, vôlei de praia e o futebol amador, entre outras modalidades já tiveram seu espaço na grade da Fertel (Fundação Luiz Chagas de Rádio e TV Educativa de Mato Grosso do Sul). E se alinham ao slogan do Giro do Esporte: “Mato Grosso do Sul é a nossa torcida”.

“A nova programação da TVE Cultura Digital prevê um espaço ainda maior para o esporte amador sul-mato-grossense, com transmissão simultânea para Campo Grande e Dourados. Trata-se de uma orientação do governador Reinaldo Azambuja para que façamos, de fato, uma televisão com programação voltada para a sociedade”, destacou o diretor-presidente da Fertel, Bosco Martins.

A transmissão vai mobilizar uma equipe de 15 profissionais, entre produtores, técnicos e jornalistas, que estarão de plantão para levar os melhores momentos do torneio e promover uma edição mais que especial do Giro do Esporte.

A transmissão do Tardão também marca o último programa ao vivo do Giro em 2018. Quem perder o programa poderá assistir à reapresentação na segunda-feira (10), às 12h. Na quarta (12), será reprisada a final do torneio e, na sexta-feira (14), vai ao ar um programa especial, com a retrospectiva de tudo o que de mais importante aconteceu no esporte sul-mato-grossense neste ano e foi acompanhado pela equipe do programa.

O programa pode ser acompanhado ao vivo na TVE Cultura pelo canal 4.1 e 15 da NET, em Campo Grande, no 13.1 em Dourados ou o sinal aberto analógico nos municípios atendidos pela emissora. A programação também está disponível pelo Portal da Educativa, na aba Assista a TV e pelo Link Ao Vivo do site e pela fan page da rede social Facebook.

Saiba mais sobre o torneio

Decisão do torneio será disputada na sede da AABB em Campo Grande. (Foto: TVE Cultura)

Decisão do torneio será disputada na sede da AABB em Campo Grande. (Foto: TVE Cultura)

Quando começou, o Tardão da AABB tinha mais de 130 inscritos. As finais envolvem os 32 competidores melhores pontuados em um sistema computado em aplicativo próprio da entidade. Caso o time do jogador vencer, ele ganha 4 pontos. Em caso de empate, 3; e 2 se foi derrotado.

Ainda é registrado 1 ponto por presença e 0,5 de “colaboração” no caso de vitória e, se o atleta representou a AABB Campo Grande em uma jornada das associações do país quando houve rodada do Tardão, faturou mais um ponto. Quem tiver o maior score, é o campeão.

Já a formação dos times cabe ao coordenador. Serão dois capitães entre os atletas inscritos para partidas que devem ter igual nível técnico ou conheçam os demais integrantes do time –que é formado a apenas 10 minutos antes do jogo. Se não houver voluntários, o coordenador ou membros da Comissão do Tardão formarão os times.

Nas semifinais e finais, os 28 atletas serão distribuídos em quatro equipes de 8 (7 na linha e um goleiro), formadas pelos capitães (que são os cabeças-de-chave) indicados pela comissão técnica do torneio entre os classificados de melhor nível técnico.

As partidas vão durar 40 minutos, divididos em dois tempos de 20 cada e intervalo de cinco minutos. Se algum atleta se atrasar, será substituído pelo jogador que o sucede na classificação. As semifinais começam às 15h e a decisão será disputada às 17h.

Debate é oportunidade para eleitor analisar propostas no segundo turno das eleições deste ano. (Foto: Fábio Rodrigues Pozzebon/Agência Brasil/Reprodução)

Debate é oportunidade para eleitor analisar propostas no segundo turno das eleições deste ano. (Foto: Fábio Rodrigues Pozzebon/Agência Brasil/Reprodução)

Repetindo a parceria realizada no primeiro turno das eleições deste ano, a TVE Cultura e a Educativa 104.7 FM transmitem na noite desta segunda-feira (22) o debate entre os candidatos a governador de Mato Grosso do Sul organizado pelo jornal eletrônico Midiamax. Odilon de Oliveira (PDT) e Reinaldo Azambuja (PSDB) confirmaram participação no evento, que deve servir como oportunidade para discussão de propostas. O debate começa às 20h.

A transmissão ocorre ao lado de outras emissoras privadas. O programa também poderá ser acompanhado pelo Portal da Educativa –na aba Assista a TV do site ou pela fan page da rede social Facebook.

No primeiro turno, a Fertel (Fundação Luiz Chagas de Rádio e TV Educativa de Mato Grosso do Sul), gestora da TVE Cultura e da Educativa 104.7 FM, já havia fechado parceria para transmissão dos debates envolvendo os seis candidatos que disputavam o pleito.

Novamente, o diretor-presidente da fundação, Bosco Martins, reforça a expectativa de que o debate sirva “como alicerce para o eleitorado definir o seu voto, bem como se transforme em um palanque para apresentação de projetos com alto nível e respeitando a democracia”.

Como sintonizar

Para assistir ao debate na TVE Cultura em Campo Grande e Terenos, o telespectador pode sintonizar suas TVs no canal 4 ou 4.1 (sinal analógico e digital, respectivamente). Na Capital, a emissora também transmite seu sinal pelo canal 15 da operadora de TV a cabo NET. Na região da Grande Dourados, você acompanha a TVE Cultura nos canais 13.1 e 25 (digital e analógico, respectivamente).

Em Corumbá, a TVE Cultura está no canal 27 analógico e no 29 da NET. Também é possível sintonizar a emissora, pelo sistema analógico, em Jardim e Guia Lopes da Laguna (canal 2); Aquidauana (canal 3); Bonito, Maracaju e São Gabriel do Oeste (4); Cassilândia (5); Bela Vista e Miranda (7); Aparecida do Taboado (8); Amambai (9); Nova Andradina (11); Ponta Porã e Porto Murtinho (12); Itaquiraí e Mundo Novo (13); Paranaíba (15); e Três Lagoas (UHF 48).

Em outras localidades do Estado ou regiões sem sinal da TV aberta é possível assistir a TVE Cultura por antenas parabólicas, que devem ter raio mínimo de 1,80 metro para garantir uma boa recepção. A emissora, no momento, ainda transmite seu sinal pelo satélite C3. Para sintonizar o canal, ajuste a captação para a posição 75ºC oeste e o transponder 3B (polarização vertical).

O sinal com qualidade HD é transmitido na frequência 3.696,5 MHz, em modulação 8PSK, FEC 2/3 e taxa de símbolo 7.321,00 KSPS. O aparelho deve ter condições de receber os padrões de transmissão DVB-S2 e MPEG-4. Já a recepção em SD será feita na frequência 3.832,38 MHz, modulação KPSK e FEC 3/4, com taxa de símbolo de 3.255,3 KSPS. O receptor precisam ser preparado para receber em DVB-S.

Na região de Campo Grande, o debate também poderá ser acompanhado pela Educativa 104.7 FM.

Outra opção para quem quiser assistir ao programa é usar a internet, pelo Portal da Educativa. A fan page da rede social Facebook transmitirá ao vivo a programação da TVE Cultura, que também pode ser acompanhada no site http://www.portaldaeducativa.ms.gov.br pela aba Assista a TV. No mesmo endereço eletrônico, a aba Ouça a Rádio veiculará a programação da Educativa 104.7 FM.

A TV COM (NET), na Capital, e as rádios Difusora Pantanal (Campo Grande), Caçula (Três Lagoas) e do Grupo Feitosa de Comunicação também veiculam o programa, também disponível por meio do Midiamax.

Associação participa também de grupo de trabalho do governo de MS sobre a implantação de metodologia de gerenciamento de projetos

Na manhã da 104 FM, Lívia Machado e Anderson Barão trouxeram no Jornal do Rádio de hoje (22) as notícias da manhã e conversaram com convidados sobre a utilização do marca-passo e a prática de gerenciamento de projetos.

O cardiologista Mário Andrade, que participou da entrevista por telefone, falou sobre a utilização de marca-passos. O médico afirmou que a utilização é indicada para quem tem um ritmo cardíaco baixo ou sofre com a queda repentina de batimentos. “A indicação para usar o marca-passo é do médico, mas depende totalmente dos sintomas que o paciente relata”, explicou o cardiologista.

Em Mato Grosso do Sul, cerca de cem mil pessoas utilizam marca-passo, de acordo com o médico. “Utilizar o marca-passo não impõe ao paciente nenhuma limitação. Ao contrário, habilita a levar uma vida normal. Qualquer limitação que possa ter é devido ao histórico médico que o levou à utilização do marca-passo”, esclareceu Mário.

Amanhã (22), às 8h, na praça Ary Coelho em Campo Grande,  grupo de profissionais esclarecerão as dúvidas da população sobre o marca-passo. “Para quem usa, quem possa vir a usar ou quem convive com um portador. No geral, tem riscos muito baixos em comparação com a qualidade de vida que o paciente passará a ter”, pontua o cardiologista. De bebês a pessoas com mais de 90 anos, é um procedimento seguro para todos.

Gerenciamento de projetos

Direto dos estúdios da rádio, Rodrigo Pedrosa, representante da Associação de Gerenciamento de Projetos do Mato Grosso do Sul, falou sobre a cultura de projetos que promovem a gestão organizacional, inovações e alterações dentro da empresa.

“Mato Grosso do Sul estava aquém no tema. Não existia uma associação para falar sobre o assunto. Agora, com uma equipe multifacetada, com carreira acadêmica e prática, estamos prontos para orientar a todos os profissionais”, destacou Rodrigo. A associação incentiva que qualquer profissional passe a participar das reuniões mensais que acontecem na UCDB Centro, em frente a praça do Rádio Clube. A próxima acontecerá em 6 de outubro, às 19h.

A equipe da associação participou também de grupo de trabalho junto ao Governo do Estado, que está implementando esta metodologia para aprimorar a gestão. “Podemos colaborar com todas as esferas. Contribuir e compartilhar conhecimento para aprimorar a gestão de projetos”, comentou Pedrosa.

Para mais informações sobre a Associação de Gerenciamento de Projetos do Mato Grosso do Sul, clique aqui.