plan cul gratuit - plan cul toulouse - voyance gratuite amour

Institucional

FM 104,7 [ AO VIVO ]

2 de março de 2024 - 06:07

Mônica Fernandes: Como ficar bem, em tempos ruins?

Mônica Fernandes – Palestrante motivacional e Lifecoach com certificação internacional

Desde que o mundo é mundo, passamos por transformações. Por mais que queiramos, a vida nunca é linear, reta, pacífica… Nosso tempo atravessou muitas guerras, inflações, crises políticas, furações, quedas de bolsas, enchentes, tsunamis e viradas de mesa… Mas é isso, talvez, que faça a vida ser tão bela… É dentro dos altos e baixos, que ressurgimos, toda vez, vitoriosos!

Dizem que estamos em crise… Mais uma… Tivemos tantas e sobrevivemos!

Temos que ter equilíbrio para enxergar nas crises que podem ser, internas ou externas, algo que nos acrescente. Toda crise vem para nos melhorarmos, nos superarmos.

A descrença, o pessimismo e o medo, só nos paralisam. Então, temos que olhar a crise como um acontecimento necessário para nossa evolução, pois, se analisarmos a história do mundo e da gente, foi através dela, que nos reinventamos.

Muita gente se supera nas crises, se qualifica, se renova.  Temos que encarar com coragem, as dificuldades e fazer com que elas nos transformem. No momento das crises, revemos as prioridades, reduzimos o consumismo e valorizamos o que realmente é importante, e isso é, essencial para o nosso caminhar!  Essa é a nossa maior intuição: Andamos, desbravamos e conquistamos para modificar nosso modo de viver. A luta pela sobrevivência é o nosso DNA! Esta é a história de nosso planeta…

Paulo Coelho já poetizou: Toda vez que a vida está muito calma, vem Deus e estilhaça nossas vidraças, pois a vida é movimento, é seguir em frente, é ir além!

Temos que nos escutar e nos habilitar. Dar o melhor de nós, trabalharmos com afinco e tentar andar na contramão deste pensamento coletivo de fracasso, e ser , a partir daí, parte da solução, e não mais um, lamentando o problema.

As crises de dentro de nós ou fora, são uma oportunidade para enxergarmos nossos defeitos, limites e resistências. Somos então, neste momento, obrigados a nos despir e nos assumir. E aí, cheios de atitude, deixar fluir nossas infinitas habilidades, mudar tudo, e nos adaptar ao novo, de novo…

A mudança sempre é positiva e é com ela, que o mundo se fez e se faz. Sem os tropeços, nunca sairíamos do lugar e talvez, nem estivéssemos mais aqui, pois este mundo é dos fortes e sempre será!

Aproveite este tempo de crise para crescer, em todos os sentidos.  Pense, invente, crie, arrisque e inove! Dê o máximo de si e ajude a todos, mudando a situação e o seu coração. Vamos sair deste cenário sombrio e tentar ser luz, que ilumina os caminhos e multiplica o calor, pois, se nós entrarmos nesta corrente, modificaremos não só o país, mas também o mundo!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *