plan cul gratuit - plan cul toulouse - voyance gratuite amour
Pular para o conteúdo

Institucional

FM 104,7 [ AO VIVO ]

13 de junho de 2024 - 18:49

Assembleia institui homenagem que leva nome de Valdenir Rezende

“Não tinha pauta perdida”, diz filho de Valdenir Rezende que teve diploma de honra ao mérito instituída pela AL

Valdenir durante cobertura de enchente. (Foto: Arquivo Pessoal)

Deputados Estaduais de Mato Grosso do Sul aprovaram resolução que institui o Diploma de Honra ao Mérito Legislativo Valdenir Rezende, uma homenagem ao fotógrafo que, durante 40 anos, registrou as mais diversas situações do Estado, deixando seu legado histórico ao jornalismo regional.

Pai dos fotógrafos Bruno Henrique e Álvaro Rezende, Valdenir faleceu vítima de Covid-19 aos 55 anos de idade em 2021. Era uma figura muito conhecida e querida de todos os profissionais da área, dado seu carisma e profissionalismo.

“Essa homenagem me deixa muito orgulhoso do meu pai, que dedicou a vida ao fotojornalismo e marcou a história. Registrou com um olhar único os acontecimentos e desenvolvimento do nosso Estado. Para ele não tinha pauta perdida. Buscava sempre a melhor imagem, nunca deixou de entregar material de primeira. Ele foi uma referência não só para mim e meu irmão, mas para todos que trabalham com o jornalismo”, enfatizou Bruno, filho caçula do fotógrafo.

O diploma instituído pela Assembleia Legislativa do Estado será uma homenagem entregue a profissionais da área que prestam ou já prestaram serviços relevantes para a imprensa do Estado e segundo o texto aprovado, a concessão deve ser feita exclusivamente pela Casa em Sessão Solene realizada em comemoração ao evento. Os homenageados serão escolhidos pela Casa de Leis e serão informados pela Mesa Diretora a respeito da data e hora em que receberão a honraria.

“Fiquei muito feliz com a homenagem, é uma forma de reconhecer o grande profissional que ele foi, sempre muito dedicado e criativo. Foram 40 anos registrando a história do Estado e como pessoa sempre sorrindo e brincando com os colegas de profissão, ajudou na formação de muitos jornalistas com a sua experiência. Para nós da família é muito honroso ver o respeito que ele tem e serve como conforto ver que a memória dele nunca será esquecida”, desabafou o filho Álvaro.

A morte de Valdenir causou muita comoção tanto no âmbito familiar quanto profissional, entre os colegas de trabalho e os leitores do jornal Correio do Estado, onde dedicou toda sua vida e história frente ao fotojornalismo em Mato Grosso do Sul.

A proposta é de autoria do deputado Marcio Fernandes (MDB). Na justificativa, o parlamentar destaca que Valdenir é um referência no jornalismo local.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *