plan cul gratuit - plan cul toulouse - voyance gratuite amour
Pular para o conteúdo

Institucional

FM 104,7 [ AO VIVO ]

18 de maio de 2024 - 16:16

Agosto começa com mudanças no clima

O calor deve dar uma trégua logo nos primeiros dias do mês de agosto. O avanço de uma grande e forte massa de ar frio de origem polar deve derrubar as temperaturas em diversas regiões do país, e inclui Mato Grosso do Sul.

Nesta quinta-feira (1.8) o tempo ainda deve permanecer estável, com predomínio de sol em grande parte do Estado. O clima fresco deve ser sentido somente durante a madrugada e noite, que pode registrar mínimas entre 15°C e 16° na região norte, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).

Ainda que a meteorologia indique a chegada de uma frente fria, o dia será marcado pelas altas temperaturas, que podem chegar aos 37°C em Porto Murtinho e Coxim. Porém de quinta para sexta-feira (2.8), os termômetros podem registrar temperaturas de 6° e há previsão de chuva para região sudoeste.

O destaque para o primeiro fim de semana do mês será a baixa umidade do ar, com índices na casa dos 20%, considerado preocupante pela Organização Mundial de Saúde (OMS), que aponta que o ideal deve estar entre 50% e 80%.

O tempo seco é uma característica muito presente durante o inverno. Em Mato Grosso do Sul por exemplo, o menor índice registrado neste mês de julho foi de 14% na região de Costa Rica, Chapadão do Sul e Paraíso das Aguas, conforme relatório da estação de meteorologia da Uniderp.

Além de causar problemas de saúde, o tempo seco também é propício para as queimadas. Durante o mês de julho, o Corpo de Bombeiros de Mato Grosso do Sul (CBMMS) registrou 743 ocorrências de incêndio, sendo 357 só em Campo Grande. A recomendação da instituição, é que a população deixe de atear fogo em terrenos baldios como forma de limpeza, pois a situação causa danos ambientais e de saúde pública.

Apesar do calor e dos baixos índices de umidade do ar, as características do inverno em julho estão dentro do esperado na climatologia, segundo o meteorologista Natálio Abrãao. “O estado apresentou variações de temperaturas com duas frentes frias com massas de ar polares, sem atingir valores de emergência” pontuou.

Conforme o meteorologista, a média de estiagens no estado é de 20 dias. Sendo Chapadão do Sul a cidade mais crítica, que contabiliza 57 dias sem chuva.

Confira algumas recomendações para amenizar o desconforto causado pelo tempo seco.

  • Hidrate-se;
  • Evite atividades físicas ao ar livre e exposição ao sol entre as 10h e 17h;
  • Evite banhos com água muito quente, pois ressecam ainda mais a pele;
  • Em caso de problemas respiratórios, procure um especialista;

Mireli Obando, Subsecretaria de Comunicação de Mato Grosso do Sul

Foto: Chico Ribeiro

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *