10ª Primavera dos Museus e Centenário de Manoel de Barros são lançados no Marco

Compartilhe:

10 dias de eventos marcarão centenário do poeta pantaneiro

Teve início na noite desta terça (21) a 10ª Primavera dos Museus no Museu de Arte Contemporânea (Marco) em Campo Grande, concomitante com o lançamento da “Homenagem ao Poeta Manoel de Barros no Centenário de seu Nascimento”. A TV Educativa e a 104 FM prestam apoio aos eventos.

A 10ª Primavera dos Museus é um evento nacional e em Mato Grosso do Sul vai abranger 55 museus de 25 municípios. Com o tema “Museus, Memória e Economia da Cultura”, uma programação convidará a população a pensar obre o tema. No Marco, uma releitura da obra de Conceição dos Bugres proporcionará uma reflexão diante da proposta deste ano.

Junto à abertura do evento nacional, foi lançada a programação em comemoração ao centenário do poeta pantaneiro Manoel de Barros. Uma agenda de eventos até dezembro comemora o aniversário de cem anos do autor. Edital de concurso para estudantes da rede estadual de ensino foi lançado e os alunos de todo o estado serão provocados a pensar a obra do autor em forma de redações e desenhos artísticos.

“Os três melhores trabalhos do estado receberão prêmios. Além disso, estamos programando para exibição simultânea de filmes sobre o autor em escolas da rede estadual”, explicou a diretora do Marco, Maisa Barros.

Renato Roscoe, secretário de Cultura, pontuou a intensa agenda em comemoração ao centenário. “Serão cem anos em cem dias. Muitos eventos acontecerão em todo o estado. O governador Reinaldo Azambuja apoiou o evento. O Governo é um grande incentivador da cultura”, disse.

 

Ócio do poeta era criar e escrever, diz Bosco Martins. Foto: Maurício Borges
Ócio do poeta era criar e escrever, diz Bosco Martins. Foto: Maurício Borges

Destacando ser uma noite especial, Bosco Martins, diretor-presidente da Fertel, lembrou de ter conhecido o poeta. “O que ele iria nos dizer? Iria praticar o ócio, que era criar, escrever. Estou emocionado com as apresentações. Que venham muitos centenários!”.

Ao fim, Grupo Teatral Casa apresentou a peça “O retrato do artista quando coisa”, e o grupo Armazém 67 a coreografia “Terra de Ninguém”, ambos com base na obra de Manoel de Barros.

Confira abaixo a programação da Homenagem ao Poeta Manoel de Barros no Centenário de seu Nascimento.

 

 

Outubro

02 a 31 de Outubro

  • Desenhos de uma Voz – Veiculação de poemas de Manoel de Barros declamados por crianças, jovens e adultos em rádios dos municípios de Mato Grosso do Sul.
  • Matéria de Poesia – IV Prolerteen – Projeto de formação literária por meio de realização de oficinas de poesia sobre a obra de Manoel de Barros, destinadas a adolescentes estudantes de dez escolas de Campo Grande.
  • Bens de Poesia – Rota CineMS – Exibição de filmes e oficinas de fotografia inspiradas na obra e vida do Poeta Manoel de Barros nas onze microrregiões de Mato Grosso do Sul.
  • Aprendimento – Oficina de arte mural no Centro Cultural José Octávio Guizzo com a artista visual Marilena Grolli.

 

17 a 21 de Outubro

  • Fazedores do Amanhecer – Curso de Gestores Culturais em Leitura – Formação para professores da Rede Estadual de Ensino nos 79 municípios por Vídeo Conferência.

Novembro

 

03 a 11 de Novembro

  • Matéria de Poesia – V Prolerzinho – Projeto de formação literária por meio da realização de oficinas de poesia sobre a obra de Manoel de Barros, destinadas a crianças estudantes de 10 escolas de Campo Grande.

 

17 a 19 de Novembro

  • XVII Encontro do PROLER – Projeto de incentivo à leitura que desenvolve oficinas destinadas a professores e mesas – temáticas sobre o Poeta Manoel de Barros.

 

25 de Novembro

  • “Dia D Manoel” – Um dia destinado a mobilizar 79 escolas de todos os municípios do Estado de Mato Grosso do Sul em prol da literatura de Manoel de Barros, com as seguintes ações:

– Exposição Manoel em Quadrinhos – 13 pranchas inspiradas na obra do Poeta e ilustradas pelos artistas do Coletivo Bigorna Fest.

– Exibição sincronizada dos vídeos “Só Dez por Cento é Mentira” e “Caramujo-flor”.

  • Sarau Homenagem ao Poeta Manoel de Barros no Centenário de seu Nascimento.

Desconcerto – Orquestra Filarmônica Jovem do Pantanal

Deslimites – Espetáculo de dança do Grupo Funk-se

Invencionices – Performances visuais com a Confraria Sociartista e intervenção de vídeo mapping com o artista visual Rafael Mareco.

Local: Concha Acústica Helena Meirelles

Horário: 19 horas

 

Dezembro

 

  • Programa Cult.e – Delírios de Manoel – Mesa redonda sobre a literatura e vida de Manoel de Barros, a ser exibido na TVE/MS, com a participação de artistas e especialistas na área.
  • Liberdade caça jeito – Encerramento das oficinas de arte do Centro Cultural José Octávio Guizzo.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *