plan cul gratuit - plan cul toulouse - voyance gratuite amour

SES orienta isolamento a quem retornar de locais com variante Delta em circulação  

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

A Secretaria de Estado de Saúde (SES) orienta que pessoas que viajaram para locais onde a variante Delta está em circulação permaneçam em isolamento social por 10 dias, a contar da data de chegada. O objetivo é barrar a entrada da variante Delta em Mato Grosso do Sul.

Mato Grosso do Sul não tem nenhum caso confirmado da variante Delta. Porém, a doença atinge estados vizinhos, como Paraná, São Paulo, Goiás e Mato Grosso. A gerente técnica de Influenza e Doenças Respiratórias da Secretaria de Estado de Saúde (SES), Livia de Mello Maziero, fala sobre a preocupação da saúde. Ela alerta que a chegada da variante Delta aqui no Estado é uma questão de tempo. Por isso, a secretaria promove uma vigilância ativa e monitora o estado de saúde dos viajantes que visitaram locais onde a variante está em circulação, para impedir que ela se espalhe em Mato Grosso do Sul. A orientação é para que as pessoas que viajaram para estes locais permaneçam em isolamento social por pelo menos 10 dias, a contar da data de chegada.

Saiba mais na reportagem de Zilda Vieira

 

  • A variante Delta foi detectada em meados de maio no estado do Maranhão, pela primeira vez aqui no Brasil. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a cepa indiana é mais transmissível do que o vírus,original e uma preocupação global. Os sintomas mais comuns desta variante são semelhantes aos de uma gripe comum: dor de cabeça, dor de garganta, febre, coriza e tosse.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *