plan cul gratuit - plan cul toulouse - voyance gratuite amour
Pular para o conteúdo

Institucional

FM 104,7 [ AO VIVO ]

20 de junho de 2024 - 05:39

Oficinas lotadas reforçam importância de participação ativa do município na organização do FIB 2017

Das 25 opções de oficinas e cursos que serão oferecidos durante a 18ª edição do Festival de Inverno de Bonito, 80% já estão com turmas lotadas. A informação foi confirmada pela professora Loiva Schiavo, que faz parte da gerência de Patrimônio Histórico da região sudoeste da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul e pela secretária de Educação e Cultura de Bonito, Roseli Gambim, que destacou não apenas a participação dos ministrantes locais em quatro oficinas, mas também o envolvimento da comunidade bonitense nas atividades propostas pelo FIB.

Estado e município uniram forças para realizar melhor festival dos últimos tempos (foto: Kemila Pellin)

Segundo a professora, a procura pelas oficinas tem surpreendido e quase não há mais vagas disponíveis. “Pessoas de outros estados, como São Paulo, estão nos procurando para fazer as inscrições em oficinas que já não temos mais vagas. Estamos fazendo o possível para encaixar todos os interessados ou indicando outras opções, como enfoque semelhante, para que eles não deixem de participar. A participação da comunidade bonitense, tem sido realmente muito significativa”, detalhou Loiva.

Já a secretária, mencionou os desafios desta edição, que mistura educação e cultura em atividades que começam nas escolas e se estendem até os palcos do FIB. “A gente nunca tinha participado desta forma, com voz ativa e poder de decisão para incluir atividades locais e valorizar os nosso povo. Das oficinas oferecidas, quatro são ministradas por profissionais de Bonito e no dia 28 (sexta-feira) teremos um dia inteiro de apresentações das escolas municipais e estaduais no CMU. Somos bonitenses fazendo o festival de Bonito”, reforçou.

Loiva também destacou essa autonomia do município, que pela primeira vez participa da organização direta dos eventos do Festival. “São dezenas de atividades, entre encontros, estandes, mostra gastronômica, apresentações culturais e musicais, tudo feito exclusivamente por artista locais, para valorizar a cultura do município. E as oficinas lotadas, uma semana antes do evento começar, é uma prova de que a iniciativa vai dar certo”, destacou.

Além das atividades oferecidas nos palcos do Festival, tanto CMU como Praça da Liberdade, também serão ofertadas oficinas e cursos nas escolas e instituições do município, tendo os alunos como público alvo. “A oficina Desenho e Pintura de Aves do Cerrado ao Pantanal com lápis aquarela, por exemplo, será ministrada e uma escola particular e no Instituto Família Legal. Já a de Iniciação a Fotografia, do professor Lelo Marchi, que é de Bonito, acontece na Escola Estadual Bonifácio Camargo Gomes e também temos atividades na Escola Estadual Luiz da Costa Falcão”, detalhou Roseli.

O Festival de Inverno de Bonito acontece entre os dias 27 e 30 de junho e é uma realização do governo do Estado de Mato Grosso do Sul, por meio da Secretaria de Cultura e Cidadania, em parceria com a Fundação de Turismo de MS, Fertel e Prefeitura Municipal de Bonito.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *