plan cul gratuit - plan cul toulouse - voyance gratuite amour

No dia Nacional do Movimento Municipalista, gestores destacam administração com foco nas pessoas

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Fazer uma gestão voltada para a melhoria na qualidade de vida das pessoas sempre foi o foco da gestão do governador Reinaldo Azambuja. Conhecer de perto as necessidades da população dos 79 municípios sul-mato-grossenses e elencar as prioridades para planejar o atendimento das principais demandas só foi possível através de uma gestão municipalista.

Esse modelo de gestão tem até um dia nacional que reforça a importância do diálogo e aproximação entre gestores e comunidades. A Lei n. 12.639/2012 instituiu o dia 23 de fevereiro como o Dia Nacional do Movimento Municipalista Brasileiro.

Responsável pela articulação política com a capital do Estado, Carlos Alberto de Assis acredita que o principal legado que a gestão atual deixará para os 79 municípios do Estado serão entregas em áreas diversas e também em locais que a população se sentia esquecida pelo poder público.

“Para que se faça um bom governo, um governo que dê certo, a gente precisa de um governador que seja estadista que esteja acima de partidos e divergências políticas. E o Reinaldo é um grande estadista, ouve os prefeitos, ouve os vereadores, que são os representantes do povo daquele município. E dessa forma ele consegue elencar as prioridades de cada região e fazer as entregas por etapas”.

Sobre as demandas elencadas em Campo Grande no Governo Presente – maior pacote de obras da história de Mato Grosso do Sul – ele cita o recapeamento de ruas não só na área central como a Avenida Mato Grosso, mas também em bairros que esperaram por décadas como o caso da grande Nova Lima, Tarsila do Amaral, Oscar Salazar, Jardim Anache, Jardim Iguatemi. São inúmeras obras executadas, a exemplo da reforma do Guanandizão, e a executar, como a segunda entrada das Moreninhas.

“Nunca um governo enfrentou tantas crises como o Governo Estadual. No cenário político, econômico e agora a de saúde com a pandemia. Mas ainda assim, temos avançado. Fazendo gestão com planejamento e foco, vamos sobrevivendo a cada uma delas. É um dia importante porque você constrói a política, você faz política ouvindo as pessoas”, destaca Assis.

O presidente da Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul) e prefeito de Nioaque, Valdir Couto Júnior destaca a importância do Dia Nacional do Movimento Municipalista e afirma que o Estado tem avançado nesse sentido.

“O governador Reinaldo que já passou pela experiência de ser prefeito, esteve nas bancadas estadual e federal, sabe a importância da gestão municipalista e vem demonstrando isso desde 2015. No passado, nós prefeitos tínhamos uma preocupação com a distribuição das emendas, mas isso hoje para nós é uma segurança, pois o Governo do Estado é quem dá a contrapartida e as entregas chegam nos municípios para todas as áreas”, afirma.

No inicio de 2020 o Governo do Estado lançou o Governo Presente que prevê investimentos de R$ 4,2 bilhões em infraestrutura, saúde, educação e segurança pública, entre outras áreas. O programa é considerado o maior pacote de obras já lançado na história do Mato Grosso do Sul e contempla os 79 municípios do Estado.

Mireli Obando, Subcom
Foto: Chico Ribeiro

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.