plan cul gratuit - plan cul toulouse - voyance gratuite amour

Importante rota de destinos turísticos, pavimentação da estrada do Curê segue firme

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Aguardada há anos pelos empresários do setor turístico da região de Jardim e Bonito, a estrada do Curê segue firme com as obras de pavimentação asfáltica. A obra foi retomada no final de 2016 e teve ordem de serviço assinada em novembro passado pelo governador Reinaldo Azambuja e pelo Ministro do Turismo, Marx Beltrão.

A estrada do Curê perfaz 30 quilômetros e já teve 15 quilômetros concluídos há mais de 10 anos. No entanto, empresários da região aguardavam  a continuidade da pavimentação que foi retomada em 2013 e paralisada no ano seguinte, por falta de recursos do Governo Federal.

A região é conhecida como Passo do Curê e  é rota de importantes destinos turísticos da região sudoeste do Estado, como o Recanto Ecológico Rio da Prata, a Lagoa Misteriosa e o Buraco das Araras. A estrada também liga os municípios de Jardim e Bonito e dá acesso à Porto Murtinho.

De acordo com o empresário da região, Eduardo Coelho, a obra era pra ser entregue há 12 anos.”Esperamos por essa obra há mais ou menos 14 anos e agora estamos confiantes com o término neste ano, já que o ritmo das obras encontra-se bem avançado. Essa melhoria atinge tanto os visitantes quanto os colaboradores da fazenda que moram na cidade já que a maioria conduz carros baixos. Dirigir por uma estrada pavimentada reduz o tempo de viagem, aumenta a segurança e reduz a manutenção dos carros. É visível a satisfação tanto da equipe quanto dos visitantes”, contou.

Fotos Edemir Rodrigues (7)

Ao todo estão sendo investidos R$ 20,2 milhões para pavimentar 17 quilômetros, que vão do entroncamento da BR-267 em Jardim ao entroncamento da MS-382, próximo ao aeroporto de Bonito. Os recursos são do Ministério do Turismo, com contrapartida de R$ 16,7 milhões, e do Estado, com R$ 3,5 milhões.

Para o secretário de Estado de Infraestrutura, Marcelo Miglioli, a retomada e o prosseguimento firme das obras mostra o empenho do Governo em desenvolver Mato Grosso do Sul. “Nosso objetivo é estruturar o Estado com transparência, segurança e ser parceiro de todos os municípios, então é claro que está região também seria atendida. A consequência disso tudo será a satisfação dos turistas e dos moradores da região, o que não tem preço, porque somos um Governo que trabalha para pessoas”, finalizou.

A previsão de entrega é agosto de 2017.

Texto: Raquel Pereira

Fotos: Edemir Rodrigues

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *