plan cul gratuit - plan cul toulouse - voyance gratuite amour

Institucional

FM Educativa [ AO VIVO ]

28 de janeiro de 2023 - 16:11

Crimes elucidados: MS se iguala à polícia dos EUA, diz secretário

O índice de elucidação de crimes com mortes – homicídios e latrocínios – em Mato Grosso do Sul é de 73% e se iguala à taxa de resolução dos órgãos de segurança dos Estados Unidos. A informação é do secretário de Justiça e Segurança Pública de MS, Silvio Maluf, em entrevista ao Jornal do Rádio e Jornal da TVE.

“No Brasil, são poucos os Estados onde a polícia atinge esse índice”, afirmou o secretário. Para Silvio Maluf, mesmo com déficit de recursos humanos e necessidade de reposição de viaturas, as polícias Militar e Civil apresentam excelente nível de atuação, demonstrando que a eficiência do aparelho policial pode ser atribuída à motivação dos policiais.

O secretário de Justiça e Segurança comentou que por orientação do governador Reinaldo Azambuja, as polícias Militar e Civil estão concentrando as ações no combate aos furtos e roubos, crimes que estão associados ao tráfico de drogas. Este ano já foram realizadas operações no Sudoeste do Estado – Jjardim, Bela Vista, Porto Murtinho e Bonito – e em Mundo Novo, no Cone Sul do Estado, que fazem fronteira com o Paraguai e se tornaram corredores do narcotráfico, além de intensificar as investigações para combater o roubo de gado.

silvio2
Secretário de Justiça e Segurança Pública comenta desempenho da polícia na RTVE

Silvio Maluf disse que um dos efeitos do combate ao tráfico é o aumento dos crimes na Capital e cidades do interior, porque os traficantes, “quebrados com a apreensão de drogas”, passam a agir nas cidades, praticando furtos e roubos. Em razão disso, a Sejusp está intensificando também o policiamento ostensivo e preventivo e isso aumenta a sensação de segurança por parte da população. Os furtos e assaltos em lojas e residências serão combatidos em ação integrada com a Guarda Municipal por meio do videomonitoramento. Nessa quarta-feira e Sejusp e a Prefeitura de Campo Grande inauguram o sistema de vigilância por câmeras no Bairro Los Angeles, um dos mais violentos da Capital.

“Através do Gabinete de Gestão Integrada realizamos operações na fronteira e o Serviço de Inteligência atua no monitoramento dos núcleos de criminalidade nas cidades, porque um policial que se desloca para as rodovias, em turnos de 24h por 24h, é um agente a menos no policiamento nas cidades”, esclareceu o secretário, destacando que no caso das apreensões a Polícia Militar Rodoviária Estadual vem tendo um desempenho surpreendente. Segundo ele, uma nova característica do tráfico é que as apreensões de grandes quantidades, de meia a uma tonelada, estão sendo feitas em pequenos veículos e não mais em caminhões. Em regra, os veículos usados pelos traficantes são produtos de furto e roubo.

Silvio Maluf acredita que assim que forem superadas as restrições de contenção de gastos, a Secretaria de Justiça e Segurança poderá ampliar o policiamento ostensivo e preventivo, mas a Polícia Civil segue com o trabalho de elucidação com “índices bastante altos”. Segundo o secretário, uma viatura do Choque e Departamento de Fronteira, por exemplo, chega a rodar 15 mil quilômetros por mês, é um desgaste grande, daí a necessidade de renovação da frota.

Em conversa com o diretor-presidente das emissoras públicas do Estado, jornalista Bosco Martins, Silvio Maluf disse que o governador Reinaldo Azambuja determinou estudos para trabalhar com a locação de veículos para reduzir os custos de manutenção e garantir a rotatividade sem prejuízo à solução de continuidade do trabalho de investigação e combate ao crime.

A Sejusp também reativou o núcleo de combate ao roubo de gado dentro do Grupo Armado de Repressão a Roubos, Assaltos e Sequestros (Garras) para coibir os crimes de Abigeato, em razão da alta incidência na fronteira e região de Campo Grande, motivada pelo aumento do preço da carne.

Novos policiais

Em relação ao aumento do efetivo, Silvio Maluf revelou que há 153 bombeiros em formação e serão convocados 164 concursados. A Polícia Militar está formando 834 novos policiais e devem ser convocados agora 126. Na Polícia Civil, há 178 em formação e o governo fará a convocação de 155. De acordo com o secretário, o governador Reinaldo Azambuja já autorizou a realização de concurso para reduzir o déficit que hoje é de 3 mil policiais e bombeiros. A previsão é de convocar, até o fim do ano até 1.700 policiais e bombeiros.

(Fotos: Joelma Belchior-Sejusp)