plan cul gratuit - plan cul toulouse - voyance gratuite amour

Institucional

FM 104,7 [ AO VIVO ]

22 de abril de 2024 - 08:57

Série de vídeos sobre Direitos Humanos, produzida pela Sedhast, é variada e está disponível gratuitamente

As servidoras da Superintendência da Política de Direitos Humanos, da Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho (Sedhast), têm usado da tecnologia para criar novas formas de trabalhar a política de direitos humanos em Mato Grosso do Sul. Entre vídeos e artigos, foram mais de 26 produções alcançando cerca de nove mil pessoas. Essas publicações estão disponíveis gratuitamente no link encurtador.com.br/fSTZ1.

“A adequação do trabalho se fez necessária pelas restrições impostas pela pandemia. Dentro de nossa coordenadoria, com anuência de nossa superintendente e a secretária da pasta, decidimos tirar do papel essas ideais e colocá-las na internet. São assuntos relevantes e pertinentes aos direitos humanos e de cunho informativo para a sociedade sul-mato-grossense”, destaca a coordenadora, Sabrina Frazeto.

A coordenadora salienta também que foram produzidos, em apenas sete meses deste ano, nove vídeos e 17 artigos, com temas envolvendo prevenção ao abuso e a exploração sexual infantil e adolescente; Dia das mães; cuidados com a saúde mental e física em tempos de pandemia; alimentação saudável; combate ao bulliyng; prevenção ao suicídio; meio ambiente; doação de sangue, entre outros.

“Nos temas mais emblemáticos, que já têm um mês específico, como ‘Maio Laranja’ e ‘Setembro Amarelo’, realizamos publicações semanais com intuito de dar mais ênfase ao tema, porém de uma maneira diferente”, reforça. As produções foram realizadas voltadas tanto para o público adulto como infantil. No caso do público infantil, foram utilizados fantoches na produção dos vídeos.

Mais informações sobre o programa Diretos Humanos em Ação podem ser obtidas pelo e-mail: supdh@sedhast.ms.gov.br, ou pelos telefones (67) 3318. 4151/5157/4158.

Leomar Alves Rosa – Sedhast

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *