plan cul gratuit - plan cul toulouse - voyance gratuite amour
Pular para o conteúdo

Institucional

FM 104,7 [ AO VIVO ]

13 de julho de 2024 - 19:15

Em reunião com prefeito de Maracaju, Reinaldo reafirma apoio do Estado aos municípios

O governador Reinaldo Azambuja reafirmou, durante reunião com o prefeito de Maracaju, Maurílio Azambuja, apoio aos municípios nesse primeiro ano de gestão, em que os desafios são maiores, principalmente em razão do cenário “que ainda é de recessão”.

O governador já se reuniu com o prefeito da Capital, Marcos Trad, para estabelecer parceria no trabalho de recuperação do asfalto urbano e a partir de fevereiro, quando retorna de férias, retomará as reuniões para definir parcerias com outros prefeitos. “Queremos conversar com os prefeitos, vereadores e outras lideranças dos municípios”, reafirmou.

Reinaldo está recomendando aos prefeitos austeridade na realização de gastos e muita cautela na contratação de empréstimos para evitar a negativação dos municípios, pois a inadimplência barra o repasse de recursos federais, o que pode agravar as dificuldades.

“Fechamos o segundo ano de governo atravessando os piores anos do Brasil, que já acumula quase 13 milhões de desempregados. Este ano temos que nos preparar para mais um período de dificuldades. Reduzimos a estrutura da máquina de 17 para 13 secretarias, mas ainda assim vamos fazer novo enxugamento, diminuir ainda mais algumas estruturas”, disse o governador.

Segundo Reinaldo, em fevereiro encaminha mensagem à Assembleia Legislativa propondo medidas de enxugamento da máquina, que vai implicar em cortes no quadro de comissionados. Em 2015 o corte chegou a 30% e a revisão de contratos significou economia de 20%.

O governador disse que está recomendando controle dos gastos baseado na experiência do Estado, que é o único, ao lado de outros seis estados, capaz de receber recursos federais graças ao equilíbrio das contas e os indicadores de solidez fiscal. Outra recomendação é que o investimento em obra obedeça a prioridade e quem deve decidir onde deve ser aplicado o dinheiro é a população.

“Nesse cenário de incerteza quanto ao rumo da economia a solução é priorizar e não gastar além da capacidade de gerar receita”. Reinaldo disse que o governo vai apoiar todos os municípios em projetos que buscam o desenvolvimento e estimulem a vocação econômica regional.

Para Reinaldo, em momento de crise, é preciso criar condições para desenvolver as atividades econômicas. O governador disse que a projeção de retomada de crescimento aos níveis de 0,5% é otimista se se analisar com racionalidade o cenário da economia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *