Dia Estadual de Combate ao Feminicídio é pauta do Bom Dia Campo Grande

Compartilhe:

Semana Estadual de Combate ao Feminicídio começa com caminhada na manhã de sábado
Maria Thereza Trad e Luciana Azambuja contam para Maristela Cantadori sobre os atos na Semana de Combate ao Feminicídio. (foto: Daniel Rockenbach)

A Subsecretária de Políticas Públicas para Mulheres de Mato Grosso do Sul, Luciana Azambuja, veio junto à Secretária-adjunta da Cidadania, Maria Thereza Trad, ao Bom Dia Campo Grande desta quarta-feira (29/05/2019) conversar com Maristela Cantadori e Anderson Barão sobre o Dia Estadual de Combate ao Feminicídio.

Em maio de 2018 foi institucionalizado no Calendário Oficial do Estado o Dia Estadual de Combate ao Feminicídio. A lei nº 5.202, que instituiu o dia 1º de junho como marco, lembra a morte da jovem Isis Caroline, ocorrida em 1º de junho de 2015 e tida como o primeiro caso de feminicídio registrado no Estado, após a vigência da Lei 13.104/2015.

Na semana entre 1 e 7 de junho acontecem várias ações de conscientização dentro da Semana Estadual de Combate ao Feminicídio que este ano terá como madrinha a modelo e atriz nascida no Mato Grosso do Sul, Luiza Brunet. As ações vão de palestras e debates ao longo da semana que começa com uma caminhada que contará com a presença das entrevistadas e de Luiza Brunet. A concentração será feita na governadoria a partir das 9h da manhã.

De acordo com a Subsecretária Luciana, 16 mulheres foram mortas até o momento em 2019 em todo o Mato Grosso do Sul, estado com os maiores índices de ocorrências e denúncias no país. Conscientizar as mulheres não é tarefa fácil para Luciana e Maria Thereza. De acordo com Luciana, “Num pais em que a cada duas horas uma mulher morre por violência doméstica foi necessário tipificar a legislação para evidenciar a violência. Não é toda morte de mulher que é feminicídio mas quando uma mulher é assassinada por ser mulher.”

O Centro de Amparo à Mulher (CEAM) foi pauta da conversa. (foto: Iasmin Biolo)

O registro de ocorrências na Delegacia de Amparo à Mulher e no Centro de Amparo à Mulher aumentou de acordo com Luciana. Isso tem mais relação com o fato de que as mulheres passaram a falar, a perder o medo de denunciar os parceiros. “A mulher hoje tem conhecimento da Lei da Maria da Penha então pode denunciar sem medo”, afirma a Subsecretária.

Para Maria Thereza que também atua como psicóloga no acompanhamento à mulheres, o empoderamento é consequência da conscientização: “Na Psicologia a gente sempre faz avaliações culturais, hoje em dia as mulheres estão mais corajosas, com isso o empoderamento aparece. Hoje existe uma conscientização. É muito importante que as mulheres saibam seus direitos e procurem ajuda”, conclui.

O Centro de Amparo à Mulher fica na rua Pedro Celestino, 437. O atendimento é gratuito e sigiloso, basta a mulher entrar em contato e marcar pelo telefone 0800 67 12 36. O centro oferece atendimento para mulher e os filhos sem necessariamente a necessidade que seja feita uma denúncia contra o marido. O importante é não se calar perante a violência doméstica. 

Telefones Úteis –

  • Ceam: 0800-67-1236
  • Deam: (67) 3314-7549
  • Casa da Mulher Brasileira: (67) 3314-7550
  • Promotoria de Justiça de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher (Casa da Mulher Brasileira): (67) 3314-7578
  • Defensoria Pública da Mulher em Situação de Violência (Casa da Mulher Brasileira): (67) 3314-7564

Lembrando que, em casos de urgência e emergência, ligue 190. Para denúncias e informações sobre serviços é só ligar para 180 – Central de Atendimento à Mulher (24h, todos os dias, podendo a denúncia ser anônima).

Sintonize – Com produção de Rose Rodrigues e Alisson Ishy e apresentação de Maristela Cantadori e Anderson Barão, o Bom Dia Campo Grande permite aos ouvintes começarem o dia sempre bem informados, por meio de um noticiário completo, quadros temáticos e entrevistas sobre assuntos variados. O programa vai ao ar de segunda a sexta-feira, das 7h às 8h30, na Educativa 104.7 FM e pelo Portal da Educativa. Dúvidas, comentários e sugestões podem ser encaminhados pelo WhatsApp (67) 99333-1047 o pelo e-mail bomdiacampogrande2018@gmail.com.


Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *