Sonhando com CD e festival internacional, Banda da Capital pede voto do público em concurso

Banda Seven Four (Foto: Arquivo Pessoal/Facebook)

Correndo atrás do sonho de gravar um CD com uma grande produtora e fazer seu trabalho ser reconhecido internacionalmente, a banda campo-grandense Seven Four, que mistura o Hard Rock com POP, produzindo um som que denominaram como HardPop, está participando do concurso EDP Brasil, que visa apoiar bandas de rock independentes e nesta edição tem cerca de 2 mil inscritos. A premiação será a gravação de um CD com a Sony Music e participação no  Festival ‘NOS Alive 2019’ em Lisboa, Portugal.

A primeira fase do concurso é definida exclusivamente pelo voto popular, ou seja, o público define os 36 melhores, entre quase 2 mil participantes, para seguir em busca do sonho. “Nos estamos tentando passar pela primeira fase de votação, disputando com cerca de 2 mil bandas, onde serão selecionadas apenas 36. Por isso é essencial disseminarmos o nosso trabalho, fazer com que ele chegue ao maior número de pessoas possíveis, para que possam votar e nos ajudar a seguir para a semi-final”, detalha Flavio Rena, produtor da Banda Seven Four.

Ainda segundo ele, se classificados, a segunda fase dependerá dos jurados e novamente do público, que vão escolher 8 bandas para a grande final em São Paulo. “Aí na final as bandas vão tocar duas musicas autorais e os jurados vão escolher a vencedora, que ganhará a gravação do CD com a Sony Music e participará do NOS Alive 2019 em Lisboa – Portugal, mas até lá, a disputa é acirrada e cada voto é determinante”, acrescenta Renato.

Seven Four

Formada pela vocalista Dany Cristinne, pelo guitarrista Marcelo Santana, pelo baixista Renato Monteiro e pelo baterista Velbion Leonardo a banda Seven Four mistura o Hard Rock com POP  transformando várias músicas Pop no mais puro Rock. Possem várias músicas autorais, tanto em português como em inglês e tem como meta interagir e ajudar as pessoas, tocando-as com suas canções e ações. O objetivo, segundo a banda, é sempre soar diferente de tudo que está tocando, mesmo que sejam músicas carimbadas (covers), fazendo sempre uma versão diferente, explorando inclusive, a voz persuasiva da vocalista.

Vote na banda aqui.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *