plan cul gratuit - plan cul toulouse - voyance gratuite amour

Quadrilha invade sede da TV Cultura de SP e faz 25 reféns em assalto; crime gera reações

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Crime ocorreu na manhã deste domingo; bandidos invadiram local usando uniformes para roubar caixas eletrônicos. Fórum das emissoras públicas condena ação e se solidariza com servidores
Bandidos invadiram emissora para roubar caixas eletrônicos. (Foto: PCSP/Divulgação)
Bandidos invadiram emissora para roubar caixas eletrônicos. (Foto: PCSP/Divulgação)

Cerca de 10 bandidos armados renderam seguranças e fizeram 25 reféns durante assalto à sede da TV Cultura de São Paulo, no bairro da Água Branca, capital paulista, na manhã deste domingo (7). O crime foi confirmado pela emissora que, em nota, apontou que caixas eletrônicos na sede da empresa eram os alvos.

O comunicado relata que o crime ocorreu por volta das 6h (horário de MS). “Doze bandidos fortemente armados, vestidos com camisetas da emissora e da empreiteira responsável pelas obras do museu sediado na Fundação Padre Anchieta, chegaram em um carro particular e uma van dos Correios, e renderam seguranças”, informou a TV Cultura.

Criminosos arrombaram dois caixas eletrônicos do posto do Banco do Banco e levaram um terceiro na fuga. A Polícia Militar iniciou buscas e perseguições, mas não conseguiu deter os autores. A Polícia Civil apura o caso.

O noticiário nacional informa que o crime durou cerca de três horas, período em que funcionários da emissora foram feitos reféns, com registros de agressões a coronhadas. Pertences dos trabalhadores também foram tomados.

Além do furgão clonado, um Fiat Palio foi usado pela quadrilha, que usava uniformes da TV e da prestadora de serviços. Não havia informações sobre a identificação dos criminosos até a veiculação desta matéria.

Fórum

O crime gerou reações no setor. O Fórum Nacional das Emissoras Públicas de Rádio e Televisão emitiu nota solidarizando-se com os funcionários da TV Cultura. Confira abaixo o comunicado assinado pelo presidente da entidade, Filipe Valões:

O Fórum Nacional de Emissoras Públicas de Rádio e Televisão, vem a público solidarizar-se com as funcionárias e funcionários da TV Cultura, cuja sede em Água Branca, Zona Oeste de São Paulo, foi alvo de uma quadrilha de assaltantes na manhã deste domingo, 06, e repudiar veementemente a ação dos criminosos.

Durante mais de 03 horas, 25 pessoas foram agredidas, mantidas como reféns e tiveram seus pertences pessoais roubados por cerca de 12 criminosos, que invadiram o local por volta das 07 da manhã.

A violência e a criminalidade enfrentadas pela população nas ruas e nos lares, lamentavelmente, chegou também ao local de trabalho de profissionais que dedicam suas vidas à informação, comunicação e, acima de tudo, à cultura.

Estendemos nossa solidariedade às vítimas e seus familiares, reforçando nossa certeza de que a barbárie jamais vencerá a civilização e os princípios da sociedade. Apenas acreditando nas mais elevadas aspirações humanas, veremos dias em que atos hediondos como esse deixem de acontecer.

Reiteramos também nossa confiança nas forças de segurança pública do Estado de São Paulo, ao tempo em que exigimos atuação firme e célere a apuração do caso.

Aos funcionários da Tv Cultura, nossa mensagem de força e coragem, nesse momento de adversidade. Em situações como essa, vemos com mais clareza a necessidade da união e do compromisso com nossos ideais maiores, de cultura, educação e informação, como agentes transformadores do mundo em que vivemos.

FILIPE VALÕES
Presidente do Fórum Nacional de Emissoras Públicas de Rádio e Televisão

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *