Procon-MS Responde: ação na Capital visa a ajudar idosos a renegociar dívidas com instituições financeiras

Compartilhe:

Marcelo Salomão explica ao Bom Dia Campo Grande como será a campanha Idoso em Dia, realizada até as 17h desta segunda-feira para orientar idosos sobre recuperação de crédito e cadastramento de tarifa social
Ação do Procon-MS segue até as 17h desta segunda-feira (30) na sede do órgão. (Imagem: Divulgação)
Ação do Procon-MS segue até as 17h desta segunda-feira (30) na sede do órgão. (Imagem: Divulgação)

O Procon-MS (Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor de Mato Grosso do Sul) realiza até as 17h desta segunda-feira (30), em sua sede em Campo Grande, uma ação especial voltada para a população idosa renegociar pendências junto a instituições financeiras de crédito, visando a recuperação de crédito, acordos e conciliações. O esforço, batizado de Idoso em Dia, é resultado do aumento do número de reclamações ao órgão sobre os temas, conforme detalhou ao Bom Dia Campo Grande o superintendente Marcelo Salomão.

“Temos sentido, nos últimos anos, o aumento de reclamações contra idosos por força da hipossuficiência dos mesmos, que são alvos de empresas famigeradas de crédito que têm feito várias operações sem consentimento dos idosos. Isso é uma vergonha”, afirmou Salomão, em entrevista à Educativa 104.7 FM.

“Pensando nesse público, resolvemos, em parceria com a Subsecretaria de Cidadania, o Procon-MS, Secretaria de Governo e Gestão Estratégica e Secretaria de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho fazer essa ação direcionada para idosos”, prosseguiu o superintendente. Segundo ele, várias instituições financeiras atenderam ao pedido para participarem da ação, que oferecerá orientações para a recuperação de crédito.

“Vamos fazer tudo o que for possível para atender com vida financeira desorganizada. Não somente com bancos, mas nas concessionárias de serviços públicos, empresas de telefonia e INSS”, afirmou. Salomão explicou que muitos idosos têm direito a tarifas sociais em serviços como água e energia elétrica e, por isso, operadoras do setor foram chamadas. “Tudo será feito com supervisão do Procon-MS, para que o idoso se sinta mais seguro e garantido na ação”.

Reclamações

Salomão reforça, em relação a bancos e financeiras, que há um número elevado de consignados direcionados à população idosa, sendo que nem sempre as operações foram autorizadas.

“Alguns idosos sequer contrataram: temos denúncias que estamos enviando ao Ministério Público sobre bancos de fomento que colocaram dinheiro na conta do idoso e começaram, logo, a cobrar as parcelas. Estão vendendo juros e o idoso nem fica sabendo que é consignado. Isso é crime previsto em lei”, advertiu.

Além disso, Marcelo Salomão destacou haver “armadilhas financeiras que os idosos caem em vários consignados”, bem como operações contratadas por familiares sem o seu conhecimento por terem acesso à senha. “O consignado não pode extrapolar mais de 70% do rendimento, acima disso é prática abusiva. Vamos orientar os idosos para que não fiquem em situação pior do que já se encontram”, complementou.

A ação será realizada na sede do Procon-MS, à rua 13 de Junho, 930, no Centro de Campo Grande.

O Procon-MS Responde é um dos quadros do Bom Dia Campo Grande que discutem assuntos de relevância para os ouvintes –como Direito do Consumidor (às segundas-feiras), Direito Trabalhista e Previdenciário (terças), Saúde (quartas) e Mercado de Trabalho e Empreendedorismo (quintas). Você pode participar enviando suas dúvidas e sugestões de temas aos profissionais parceiros da Educativa 104.7 FM por mensagem de texto ou de voz pelo WhatsApp (67) 99333-1047 no pelo e-mail reporter104fm@gmail.com.

Sintonize – Com produção de Rose Rodrigues e Alisson Ishy e apresentação de Maristela Cantadori e Anderson Barão, o Bom Dia Campo Grande permite a você começar o seu dia sempre bem informado, por meio de um noticiário completo, blocos temáticos e entrevistas sobre assuntos variados. O programa vai ao ar de segunda a sexta-feira, das 7h às 8h30, na Educativa 104.7 FM e pelo Portal da Educativa.  Os ouvintes podem participar enviando perguntas, sugestões e comentários pelo WhatsApp (67) 99333-1047 ou pelo e-mail reporter104fm@gmail.com.


Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *