Primavera dos Museus 2020 aponta os desafios do mundo digital para os museus na atualidade

Compartilhe:

Afim de facilitar o acesso e atender as medidas de proteção contra o novo corona vírus, a “14ª Primavera dos Museus” 2020, que será realizada entre 21 e 27 deste mês com o tema “Mundo Digital: Museus em Transformação”, será totalmente online. A programação atenderá ao anseio de inovação e acessibilidade esperado antes mesmo da crise causada pelo Covid-19 trazendo palestras e rodas de conversa transmitidas pelo Instagram da Fundação de Cultura com acesso totalmente gratuito para os interessados. Outra novidade são as salas de visitas dos museus que poderão ser realizadas de forma online, como ocorre em grandes museus do mundo como o Louvre, em Paris.

O evento faz parte das ações previstas pelo Sistema Estadual de Museus. Anteriormente à pandemia do Coronavírus, a programação ocorreria no mesmo período, com várias ações simultâneas acontecendo pelos museus instalados em MS, porém, cumprindo as orientações da OMS e do Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, as ações acontecerão pelo meio virtual, evitando assim aglomerações e mantendo o isolamento social, uma das formas mais efetivas de prevenção ao contágio do Covid-19.

As ações serão realizadas sob coordenação do Sistema Estadual de Museus de MS, com a participação de vários museus e instituições públicas e privadas do Estado, dentre os quais se destacam o Arquivo Público Estadual de MS; Casa da Ciência e Cultura de Campo Grande/UFMS; Casa do Dr. Gabi – Espaço de Memória/FCPH/Prefeitura Municipal de Corumbá; Conselho Internacional de Museus – Icom Brasil; Instituto Brasileiro de Museus – Ibram; Museu da Imagem e do Som – MIS; Museu de Arte Contemporânea – Marco; Museu de Arqueologia – MuArq/UFMS; Museu das Culturas Dom Bosco – MCDB/UCDB; Museu José Antônio Pereira/Sectur/Prefeitura Municipal de Campo Grande. 

A Primavera dos Museus é um evento idealizado pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), cuja organização e coordenação em nível estadual fica à cargo do Sistema Estadual de Museus de MS. O Sistema é ligado à Fundação de Cultura de MS e agrega os diversos museus instalados no Estado de Mato Grosso do Sul, atuando em parceria com estas instituições, buscando parcerias e prestando assessoria técnica nesta área. As instituições presentes no Estado são ligadas ao setor público (federal, estadual e municipal), além de universidades e associações privadas.

Sobre o tema deste ano, “Mundo Digital: Museus em Transformação”, o Ibram manifesta que a “crise que a pandemia apresenta ao setor pode significar a oportunidade de observarmos o desafio da transformação digital para as instituições de memória, em um sentido mais amplo, e para os museus e seus públicos, em especial. Esse momento parece apresentar-se como uma possibilidade de experimentar e produzir novas práticas dialógicas, de linguagens de armazenamento e de disseminação das informações museais.

Várias questões emergem com força e parecem vir para ficar. No âmbito da gestão de acervos museológicos a questão que surge para as instituições é a da interoperabilidade entre os acervos de museus, arquivos e bibliotecas. No âmbito da comunicação várias atividades imediatamente se apresentaram, como lives, webinários, visitas virtuais, exposições virtuais e outras ações que propõem interatividade com o público, a exemplo de álbuns virtuais que exibem a releitura de acervos a partir dos desenhos de jovens e crianças”.

Confira aqui a programação estadual da 14ª Primavera dos Museus 2020 e participe!

 

Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul- FCMS


Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *