plan cul gratuit - plan cul toulouse - voyance gratuite amour

Pavimentação da MS-389 “encurta” distância entre Japorã e Campo Grande

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Principal reivindicação da comitiva de Japorã no Governo Presente, a pavimentação da rodovia MS-389 já está sendo executada. Durante a reunião, em outubro do ano passado, as lideranças municipais afirmaram que o Município “hoje é considerado fim de linha” e que a implantação da rodovia iria encurtar em 20 quilômetros a distância percorrida para chegar a Campo Grande. Japorã fica a 484 quilômetros da Capital, no extremo sul do Estado.

Quem sai ganhando com o investimento de mais de R$ 60 milhões do Governo do Estado é a população, principalmente produtores, assentados e indígenas. “Estou há 35 anos sofrendo. Passar a máquina já não adiantava mais. Com o movimento intenso de caminhões, a estrada ficava ruim já no dia seguinte depois da manutenção. Só temos a agradecer ao governador [Reinaldo Azambuja] por essa obra”, contou o produtor rural Luiz Venâncio da Silva.

Estão sendo asfaltados 39 quilômetros de Iguatemi a Japorã. A obra teve início em maio de 2020 e o prazo para conclusão do serviço é dezembro de 2021, totalizando 600 dias consecutivos. Também pelo Governo Presente, está sendo feito o recapeamento da Avenida Deputado Fernando Saldanha (41% executada) e já foi entregue a pavimentação e drenagem das ruas Naviraí, Ponta Porã e Sagarana.

Desde 2015, a administração estadual entregou diversas obras no município como o asfalto e drenagem de ruas em Japorã e no distrito de Jacareí, a ponte de concreto sobre o córrego que tem o mesmo nome da cidade e a ampliação do sistema de esgotamento sanitário. Entre obras concluídas, em execução e a executar no município, o investimento da Sanesul é superior a R$ 5 milhões.

Já a Agência Estadual de Habitação realizou o sonho de 287 famílias com a entrega de 236 moradias e 51 lotes urbanizados. E na área de educação, as duas escolas estaduais receberam R$ 1,143 milhão em reformas e melhorias.

O governador Reinaldo Azambuja afirmou que os investimentos são resultados de um trabalho que envolveu medidas duras e até impopulares. “Diminuímos o tamanho da máquina pública, reduzimos os gastos com o próprio governo para investir no bem estar da população, fizemos as reformas e enfrentamos crises sem deixar de honrar nossos compromissos. Isso nos permitiu manter os investimentos nas áreas prioritárias e lançar o Governo Presente, que até o fim de 2022 vai injetar mais R$ 4,2 bilhões nos 79 municípios de Mato Grosso do Sul”, finalizou.

Paulo Fernandes, Subcom

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *