plan cul gratuit - plan cul toulouse - voyance gratuite amour
Pular para o conteúdo

Institucional

FM 104,7 [ AO VIVO ]

21 de julho de 2024 - 16:09

Mutirão para emissão de Carteira de Trabalho atende 900 pessoas na região sudoeste do Estado

Uma ação da Superintendência Regional do Trabalho no Mato Grosso Sul, através da sua Unidade Móvel, em parceria com as prefeituras de Antonio João, Guia Lopes da Laguna, Jardim e Bonito possibilitou mais de 900 atendimentos entre os dias 13 e 17 de março, para emissão de Carteira de Trabalho, 1ª e 2ª via, averbação de documentos e alterações de identidade.

O mutirão teve inicio da cidade de Antonio João, no dia 13, passando por Guia Lopes, Jardim e Bonito, onde permaneceu por dois dias. Só no último município foram emitidas 290 carteiras de trabalho, que vão garantir os direitos trabalhistas dos moradores e abrir portas para novas oportunidades, como acredita a jovem Thaine Vargas, de 18 anos.

“Eu cheguei aqui bem cedinho e passei o dia esperando pelo atendimento. Mas agora finalmente conseguir tirar minha carteira e vou poder procurar um bom emprego”, disse a moça ao relatar que os comerciantes locais exigem o documento para contratação de funcionários.

A preocupação também é compartilhada por Hike Cardoso, 18 anos, que também enfrentou a fila, com a filha pequena no colo, para conseguir emitir o documento. “Eu preciso arrumar um emprego e já não é fácil porque não tenho experiência e sem carteira então, fica ainda mais complicado”, detalhou a moça.

Já Dona Arminda Rosa, 59, foi em busca da 2ª via para dar entrada na aposentadoria. Mas acabou chegando tarde e perdendo o atendimento. “Eu vim mais tarde porque achei que estaria mais vazio, porque me disseram que iriam atender até às 20 horas, mas acabei perdendo a oportunidade”, disse.

A chefe de Políticas Públicas do SRT/MS, Jacqueline Pinheiro explicou que o horário realmente foi estendido para atender a demanda, mas ainda sim várias pessoas ficaram sem os serviços. “A procura foi muita grande e também tivemos problemas de conexão no começo, a internet da cidade está fraca e não conseguiu rodar o programa, o que nos obrigou a trazer uma linha própria e enrolou o inicio dos atendimentos”, detalhou.

Ainda segundo dados da Superitendencia, na região foram 695 carteiras emitidas, 162 triagens realizadas, que é quando a pessoa procura atendimento sem estar com todos os documentos necessários, 30 alterações de identidade e 13 atendimentos de consulta nacional, ou seja, iniciam o processo para emissão da carteira, mas não completam porque o sistema expirou ou não foi possível captar imagens, ou até mesmo PIS inválido.

A SRT/MS ainda não tem data prevista para voltar a Bonito, mas estará em Jardim nesta sexta-feira (24).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *