plan cul gratuit - plan cul toulouse - voyance gratuite amour

Meio Ambiente: Radiojornal Bom Dia Campo Grande da Educativa FM 104.7 aborda exploração econômica do Pantanal

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Sandro Menezes Silva, professor de Ciências Biológicas e Ambientais na Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), defende exploração turística sustentável  do Pantanal, além da pecuária  

Campo Grande (MS) – No Dia Mundial do Meio Ambiente, o radiojornal Bom Dia Campo Grande, que vai ao ar das 7h às 8h na Educativa FM 104.7, entrevista Sandro Menezes Silva, professor de Ciências Biológicas e Ambientais na Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), autor do estudo que está sendo debatido por meio de aulas on-line. Documenta Pantanal, busca extinguir a crença popular de que a região consiste apenas numa ‘grande área alagada’, mostrando que esta porção do território brasileiro pode oferecer uma grande oportunidade de aproveitamento econômico responsável por meio do turismo de qualidade, a partir de suas ricas flora e fauna, além de características bastante peculiares com relação à hidrografia e ao relevo. 

“A fauna do Pantanal destaca-se pelas populações expressivas de algumas espécies ameaçadas de extinção quando comparada a outras regiões da América do Sul e do mundo. Exemplificam esse fato espécies como o cervo-do-Pantanal, a onça-pintada, a ariranha e a arara-azul. Se nos atermos somente às aves, estão listadas entre seus habitantes mais de 550 espécies, dependendo do tipo de registro e a abrangência dos estudos considerados (planície, planalto ou ambos) ”.

Uma  proposta para democratizar o acesso ao conhecimento sobre a região pantaneira

Segundo o professor, Documenta Pantanal tem a proposta de ampliar o alcance das fontes de conhecimento sobre a região e seu ecossistema mesmo em tempos de pandemia, por isso concentra forças na produção de conteúdo para suas ‘Aulas Pantaneiras’. Trata-se de um projeto de educação a distância.

Iniciado em 2019, o projeto disponibilizará novos conteúdos a partir de junho no site http://documentapantanal.com.br/.    

As aulas consistem em pequenos vídeos – que variam entre um e dois minutos de duração –, os quais são lançados na plataforma digital com suporte de texto acompanhados das fontes das pesquisas utilizadas. Com linguagem simples, Menezes introduz assuntos pertinentes à região a partir da premissa de que a iniciativa ‘Documenta Pantanal’, que desde o ano passado, mobiliza a atenção do público por meio de mostras fotográficas, filmes, vídeos e apoios e produção de livros para a urgência em se conhecer e preservar este patrimônio natural. ‘Aulas Pantaneiras’ podem assumir uma função importante enquanto fonte para estes estudos e, para além do ambiente escolar, a ferramenta pode servir outros setores da sociedade, como jornalistas e demais geradores de conteúdo”.

Com acesso gratuito às aulas, os episódios gravados em 2019 e 2020 já estão disponíveis para visualização e consultas. Os temas já abordados até o momento são “O Pantanal e suas Regiões”, “Planície e Pantanal”, “Serra da Bodoquena” e “Regime de Inundação”.

Sobre Documenta Pantanal

Registrar, documentar e valorizar a cultura e a natureza pantaneiras por meio da promoção de atividades em prol da difusão do conhecimento e da preservação. A partir dessa proposta, a iniciativa ‘Documenta Pantanal’, após um ano de atuação, reafirma seu papel de contribuir para o desenvolvimento de ações multimídias (exposições, livros, vídeos e documentários, por exemplo) que, mais do que celebrarem a beleza e a biodiversidade desse ecossistema, pretendem chamar a atenção da sociedade para a urgência em conhecer e preservar este patrimônio da Humanidade. Ao apoiar pesquisas, compartilhar conhecimentos científicos e manifestações tradicionais da cultura do Pantanal, o Documenta busca contribuir para a adoção e a valorização de uma visão de desenvolvimento sustentável na agricultura, na pecuária e no turismo de qualidade. A iniciativa reúne estudiosos, empresários, artistas e produtores para, em conjunto, alertar a sociedade para as questões primordiais desse bioma. 

http://documentapantanal.com.br/

https://www.instagram.com/documentapantanal/

https://www.facebook.com/documentapantanal/

Sintonize – Com apresentação de Maristela Cantadori e Daniela Benante, o radiojornal Bom Dia Campo Grande vai ao ar de segunda a sexta-feira, das 7h00 às 8h30, na Educativa FM 10.7. O programa também pode ser acompanhado ao vivo pelo Portal da Educativa (na aba “Ouça a Rádio”).

(Foto do destaque: Arquivo/Fundtur)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *