Mãos unidas para doar a quem precisa

Compartilhe:

Por Julia Torrecilha

Alimentos variados e de boa qualidade expostos em frente à uma conveniência de Campo Grande para serem doados a quem precisa. Trabalhadores desempregados, moradores carentes de bairros da Capital chegaram a formar fila, mas sem aglomeração, em frente ao estabelecimento comercial, que fica entre as ruas Euclides da Cunha e Ceará, para pegarem frutas, legumes, carne, pão, leite, ovos, alimentos não perecíveis, produtos de limpeza e higiene.

“Cada pessoa que apareceu na loja pedimos para escolher cinco mantimentos ofertados para podermos atender a todos. Acredito que mais de 500 moradores da cidade foram beneficiados, a maioria trabalhadores desempregados” avalia a comerciante Dayanne Von Ruppert, autora do projeto solidário.

Ela conta que não imaginou que uma ideia “despretensiosa, de fazer uma prateleira solidária com itens da cesta básica”, acabou adquirindo uma dimensão maior, com repercussão nas redes sociais, entre doadores, voluntários e a população mais necessitada.

“Clientes e amigos da minha loja, comerciantes, empresários e pessoas que nem conhecíamos participaram da campanha de arrecadação com produtos de primeira qualidade. As pessoas que ajudamos saíram muito agradecidas, uma energia muito boa mesmo”, analisa Dayanne.

O atendente Pedro Henrique Arruda, que trabalha na conveniência que sediou o projeto, afirma que homens, mulheres e crianças buscaram comida no local. E foi justamente uma criança que mais chamou sua atenção:

“Quando dei um panetone de chocolate para um menino que me procurou ele saiu pulando de alegria, parecia não estar acreditando”, se comove.

Dayanne diz que essa campanha vai continuar até acabar o estoque de alimentos e produtos arrecadados. Uma iniciativa pontual que demonstrou a eficácia do que pode ser feito “numa ação entre amigos, na qual atendemos muitas pessoas em situação crítica, paradas, sem trabalho”, finaliza.

 

 


Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *