plan cul gratuit - plan cul toulouse - voyance gratuite amour

Investimento de R$ 12 milhões do Governo do Estado vai realizar o sonho da casa própria de 450 famílias em Campo Grande

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Para realizar o sonho da casa própria de 450 famílias de Campo Grande, o Governo do Estado investiu R$ 12 milhões com recursos próprios. São 300 moradias do Condomínio Jardim Canguru, que serão entregues em breve, e mais 150 do Residencial Pedro Teruel, que teve ordem de serviço assinada nesta quarta-feira (23), em solenidade no Armazém Cultural.

“Hoje é um dia muito especial para habitação, porque 300 famílias estão sendo atendidas no Condomínio Jardim Canguru, e mais 150 moradias serão construídas no Residencial Pedro Teruel. Somando as duas, nosso balanço é de R$ 12 milhões de investimentos do Estado, para atender 450 famílias”, explicou a diretora-presidente da Agehab (Agência de Habitação Popular de MS), Maria do Carmo Avesani.

Diretora da Agehab assina ordem de serviço para construção de 150 moradias

Para as moradias do Condomínio Jardim Canguru, o investimento foi de R$ 29 milhões, sendo R$ 24 milhões do Governo Federal e R$ 5 milhões do Governo do Estado. A Prefeitura de Campo Grande fez a doação do terreno. O local conta com 18 blocos de 16 apartamentos cada e um bloco de 12 moradias, totalizando 300 unidades habitacionais.

“As 300 famílias já foram selecionadas e neste evento de hoje foi feito apenas o sorteio de qual apartamento vai ficar com cada uma. Todas já passaram pelo processo de seleção. A previsão de entrega das moradias deve ser de 30 a 60 dias. O sonho da casa própria vai chegar para estas pessoas”, descreveu Avesani.

Já a assinatura da ordem de serviço de mais 150 casas no Residencial Pedro Teruel, teve o repasse de R$ 7,8 milhões do Governo do Estado. “Este aporte financeiro repassado à Prefeitura permitiu a contratação das empresas, para atender mais 150 famílias que são remanescentes da Cidade de Deus. São as últimas moradias que faltavam para serem construídas”, explicou a diretora.

Condomínio Jardim Canguru (Foto: Chico Ribeiro)

Sonho realizado

Jessica de Almeida

As famílias contempladas com as moradias no Condomínio Jardim Canguru estiveram em evento no Armazém Cultural, para participar do sorteio e saber qual será o seu apartamento. A moradia possui 47,01 metros quadrados, divididos em dois quartos, sala, banheiro e cozinha integrada com área de serviço.

“Vou morar lá com meu marido e três filhos. Esta casa é a realização de um sonho. Estou em uma área invadida no Mário Covas e agora vou ter meu próprio apartamento. A escola dos meus filhos inclusive fica na mesma rua”, contou Jéssica de Almeida, de 28 anos.

Ymylli Vanessa, contemplada com nova moradia no Jardim Canguru

Ymylli Vanessa, de 20 anos, descreveu que quando foi selecionada foi uma satisfação enorme, por ter um lugar próprio para morar. “Foi um grande alívio e agora é só felicidade e aguardar para entrar no novo apartamento, junto com meus dois filhos”.

Suellen Benitez, 34, foi junto com sua avó, Argermira Benitez, de 84 anos, acompanhar o sorteio e saber qual será seu apartamento no condomínio. “Estou muito feliz e espero ter uma vida melhor neste novo local, pois antes estava em uma área invadida no Mário Covas. Vou morar com minhas duas filhas”.

A solenidade ainda contou com a vice-prefeita da Capital, Adriane Lopes, e a diretora-presidente da AMHASF (Agência Municipal de Habitação e Assuntos Fundiários), Maria Helena Bughi, além de vereadores de Campo Grande.

Leonardo Rocha, Subcom
Fotos: Bruno Rezende

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.