plan cul gratuit - plan cul toulouse - voyance gratuite amour
Pular para o conteúdo

Institucional

FM 104,7 [ AO VIVO ]

23 de julho de 2024 - 22:53

Instituto cria campanha para diminuir número de atropelamentos de animais silvestres

O Instituto das Águas da Serra da Bodoquena (IASB) decidiu aproveitar o alcance e popularidade das redes sociais para tentar conscientizar os motoristas de que as estradas também são locais de acesso de animais silvestres e assim diminuir o numero de atropelamentos.

Intitulada “Também Estamos na Pista”, à campanha agora vai atravessar as barreiras da internet e ganhar ainda mais força nas estradas. No último mês os veículos da IASB foram estilizados com a ilustração utilizada nas ações de mobilização.

Com a frase “Eu freio para os animais” o objetivo é alertar os motoristas sobre a travessia de animais silvestres para que assim, diminuam a velocidade e prestem mais atenção no percurso.

No ano passado um estudo realizado pela Iniciativa Nacional para a Conservação da Anta Brasileira (Incab), com projeto do Instituto de Pesquisas Ecológicas (IPÊ) foi apresentado ao Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul), mostrando as dimensões de acidentes de trânsito com animais silvestres nas rodovias do Estado.

A pesquisadora Patrícia Médici apresentou os dados obtidos pela Incab realizado no Cerrado desde o início de 2015 em 10 trechos de 8 rodovias do Estado (BR-267, BR-262, BR-163, MS-040, MS-080, MS-134, MS-145 e MS-395), o que totaliza quase 1300 km de rodovias.

A pesquisadora relatou os números de antas atropeladas: apenas nesses trechos, 165 carcaças de anta foram encontradas no período estudado. Considerando-se que muitas carcaças podem não ter sido detectadas pela equipe de Patrícia, a estimativa é que, ao todo, 250 antas devam ter sido atropeladas e mortas nessas rodovias, isso sem contar outras espécies, como tamanduás, lobinhos entre outros.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *