Rádio e TV Educativa de MS

Home Institucional

Institucional

HISTÓRIA DA TV EDUCATIVA

A TV Pública de Mato Grosso do Sul começa a sua história em 1984, que foi inaugurada como uma emissora repetidora, ou seja, apenas transmitia os programas produzidos no Rio de Janeiro e São Paulo. Cinco anos mais tarde, passa a criar seus próprios programas, ainda na antiga sede que ficava no bairro Villas Boas. Foram produzidos musicais e programas de entrevistas, feitos em estúdio, com temas segmentados como educação, saúde e esporte, entre eles o Oficina, TV Memória, Casarão da Fazenda e 30 minutos com Mariza Machado. Nessa época, a emissora era vinculada a Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul (FCMS).

Em 1994, a Empresa de Rádio e Televisão Educativa do Estado ganha uma nova sede no Parque dos Poderes. O prédio se transformou num cartão postal de Campo Grande. Aproveitando a estrutura de um Ginásio de Esportes, o arquiteto pernambucano Roberto Montezuma misturou diversos materiais dando um ar contemporâneo à sua obra. Com destaque para a torre com 116 metros de altura, considerada a mais alta torre de alvenaria da América Latina. A emissora ganha também uma nova estrutura jurídica com a criação da ERTEL- Empresa de Rádio e Televisão Educativa de Mato Grosso do Sul. Começa a produção do Jornal da TVE, com entrevistas ao vivo e matérias mais longas e explicativas, contando com a participação do telespectador.

Em 2000, se transforma em Fundação Estadual Luís Chagas de Rádio e Televisão Educativa, deixando de ser uma empresa de direito privado, constituindo-se numa Fundação dotada de personalidade jurídica de direito público. Três anos depois muda seu nome para TVE Regional. Em 2008 integra o grupo da Empresa Brasil de Comunicação e passa a se chamar TV Brasil Pantanal. Em 2014 volta a se chamar TV Educativa. Independente do nome, a emissora sempre priorizou na sua programação conteúdos educativos e culturais, sem objetivo comercial. Produziu nesses 30 anos programas que marcaram época, ajudaram na divulgação e valorização da cultura regional, além de contribuir na formação da identidade sul-mato-grossense.

Veja a seguir diversos programas que contam a história da TV Pública de Mato Grosso do Sul