plan cul gratuit - plan cul toulouse - voyance gratuite amour
Pular para o conteúdo

Institucional

FM 104,7 [ AO VIVO ]

22 de julho de 2024 - 21:53

Governo Presente: Juti pede asfalto dentro da cidade; prefeita destaca ações municipalistas de Reinaldo Azambuja

Prefeita, vereadores e secretários de Juti pediram nesta sexta-feira (25.10) ao governador Reinaldo Azambuja investimentos em recapeamento e asfalto novo, para facilitar o trânsito e, principalmente, acabar com a poeira, nos dias secos, e o barro, quando chove. Por meio do programa Governo Presente, que está em sua 5ª etapa, Reinaldo Azambuja está recebendo lideranças de 17 municípios em Naviraí.

“Nós precisamos de recursos em todos os setores, mas hoje trouxemos pedido em especial de asfalto e recapeamento para o nosso município, que é uma necessidade muito grande. Mais de 60% do nosso município não tem asfalto. É uma cidade areiosa”, disse a prefeita de Juti, Elizângela Martins Biazotti dos Santos, a Laka.

Ela fez questão de elogiar a iniciativa porque permite o atendimento dos 79 prefeitos, além das centenas de vereadores. ”O que ele [Reinaldo Azambuja] fez mostra o respeito que ele tem à classe política. Ele também foi prefeito e sabe das nossas dificuldades. Ele veio até nós e isso é muito gratificante”, afirmou.

Laka lembrou ainda que o Governo do Estado prestou socorro a Juti nos momentos de maior necessidade. “Nosso município sofreu com vários problemas. Tivemos duas pontes que caíram, uma erosão enorme que já estava chegando na BR-163, e foi de extrema importância. E quando o governador esteve no nosso município e nos ajudou nessas catástrofes, ele não olhou a quantidade de votos, a quantidade de eleitores no município. Ele simplesmente viu que ali tinha um povo que necessitava do governo”. Juti tem 6,6 mil habitantes.

Participaram da audiência o presidente da Assembleia Legislativa, Paulo Corrêa; deputado federal Beto Pereira; deputados estaduais Lídio Lopes, Onevan de Matos, Gerson Claro e Londres Machado; primeiro-suplente de senador José Chagas; e os secretários Sérgio de Paula (Articulação Política), Eduardo Riedel (Governo e Gestão Estratégica), Jaime Verruck (Semagro), Maria Cecília Amendola da Motta (Educação) e Geraldo Resende (Saúde).

A reunião contou ainda com os secretários-adjuntos de Estado C. Barbosa (Sejusp) e Luis Roberto (Seinfra); diretores-presidentes Walter Carneiro Junior (Sanesul), Maria do Carmo Avesani Lopes (Agehab) e Mara Caseiro (Fundação de Cultura); além da vice-prefeita Claudinha; presidente da Câmara Municipal, Ramão Sangue Novo; e dos vereadores Vandinho, Mano, Alberto Moreira Bueno, Zé Carlos, Vander Janberci, Rose Gonçalves e Adriano Passarelli; além dos secretários municipais Heitor Carlos Fernandes (Educação), Marcelo Escobar (Infraestrutura) e Alexsandro de Souza (Assistência Social), além do assessor de Planejamento, Pablo Bueno Ferreira.

Investimentos

Construção de ponte de concreto sobre os rios Amambai e Taquara e restauração e pavimentação de vias urbanas, que receberam também sistema de drenagem de águas pluviais. Essas são algumas das obras executadas pelo Governo do Estado em Juti desde que Reinaldo Azambuja assumiu o Governo do Estado em 2015. Os recursos viabilizados pelo Estado chegam a R$ 64,615 milhões nesse período.

Só em obras de infraestrutura são R$ 47,820 milhões. Além de projetos já concluídos, a Empresa de Saneamento (Sanesul) está construindo Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), com capacidade de 5,5 litros/segundo e executando 4.328 metros de rede coletora de esgoto e implantação de 161 ligações domiciliares de esgoto. Recursos do PAC 2 – R$ 2,554 milhões.

A Agência de Habitação Popular (Agehab) já entregou 155 das 159 moradias programadas para o município e fez a entrega de títulos definitivos para 30 famílias do Residencial Juti. Na saúde, os investimentos chegam a R$ 2,530 milhões.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *