plan cul gratuit - plan cul toulouse - voyance gratuite amour

Governo de MS renova parceria com prefeitura de Campo Grande e alunos da Reme terão aulas on-line por mais um ano

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

O Governo do Estado, por meio da Fundação Estadual Jornalista Luiz Chagas de Rádio e Televisão Educativa (Fertel) renovou a parceria com a Prefeitura de Campo Grande para gravação e divulgação de aulas on-line para alunos da Rede Municipal de Ensino.

 

O contrato de renovação, pelo período de 12 meses, foi celebrado nesta quinta-feira (11) entre a secretária Municipal de Educação, Elza Fernandes, e o diretor-presidente da TVE Cultura MS, Bosco Martins. A anuência da parceria tem ainda a participação do secretário Estadual de Governo e Gestão Estratégica, Eduardo Riedel e do prefeito da Capital Marquinhos Trad.

O diretor-presidente da Fertel, Bosco Martins que por orientação do secretário de Governo  Eduardo  Riedel  e do governador, “essas parceiras são realizadas  e lembrou  que são  dois canais criados  pelo decreto da  multiprogramacão o 4.3 reservado para a Secretaria  Estadual  de Educação  e o 4.2, que exibe a programação feita pelos professores da Reme.  Essas parcerias fortalecem e dão opções em tempos de pandemia para a rede pública de ensino.”

A secretária Elza Fernandes explicou a importância dessa renovação de parceria para garantir o aprendizado a 109 mil alunos da Reme. Um decreto municipal estabelece que as aulas presenciais voltem a partir de julho. “Esse decreto com o retorno das aulas presenciais a partir de julho pode ser revogado a qualquer momento. Porém, nossa preocupação é dar garantias de biossegurança aos alunos e professores. Com o retorno de aula presencial, não significa que teremos 100% de presença física de alunos em sala de aula. Vamos mesclar com ensino híbrido, ou seja, uma parte presencialmente e outra via on-line.

Elza Fernandes ainda lembrou que devido à pandemia foi necessária a implantação do sistema digital de aulas e a parceria da TVE Cultura MS foi de fundamental importância nesse processo. “Hoje, os alunos acompanham as aulas pela TV, smartphone, e têm caderno para demonstrar aos professores como está o aprendizado. Nesse primeiro ano de funcionamento do sistema on-line de ensino tivemos um excelente retorno, tanto por parte dos pais de alunos como dos estudantes, desde os quatro anos de idade. Eles demonstraram que acompanham e gostam das aulas. Para se ter uma ideia, de um universo de 109 mil alunos, apenas 1,5 mil foram reprovados, seu seja, não mudaram de fase, o que significa 1,5%. Isso comprova que nossa intenção não é apenas ministrar as aulas, mas verificar o aprendizado desse aluno, onde ele deve devolver o caderno de atividades, além de outras formas de comprovação”, esclarece a secretária.

Alberto Gonçalves

Fotos: Iasmin Biolo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *