Rádio e TV Educativa de MS

Fundect se reúne com agências de fomento e troca experiências com fundações de pesquisa de 26 estados do país

0

Aracaju (SE) – O diretor-presidente da Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia do Estado de Mato Grosso do Sul (Fundect), Davi Bungenstab, acompanhado do diretor-científico da instituição Marcio de Araujo Pereira e da Gerente de Projetos, Elaine Novaki, participam até esta sexta-feira (19) de uma série de reuniões que fazem parte da agenda do Fórum Nacional Das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap) que nesta edição está sendo realizada na capital de Sergipe.

As atividades tiveram início nesta quarta-feira (17) com a realização de um workshop com informações e orientações sobre cooperações internacionais, já a abertura oficial do evento aconteceu na manhã de quinta-feira (18) com a participação de presidentes de Fundações Estaduais de Pesquisa de 26 estados brasileiros.

A presidente do Confap, Dra. Maria Zaira Turchi, falou da importância da participação dos estados nestes encontros.

“Neste momento nos reunimos com nossos parceiros de agências federais e internacionais, reafirmando acordos, firmando novas parcerias e atraindo recursos para os estados; com isso, podemos operar com cada vez mais eficiência para alcançar nosso objetivo que é fomentar a pesquisa científica no país. Momento importante também para as fundações estaduais pois podemos compartilhar entre nós as nossas ações, criando uma agenda positiva, nos fortalecendo em uma pauta comum que é o avanço da ciência e inovação”, afirmou a presidente.

De acordo com o presidente da Fundect, o Fórum proporciona contato direto com agências de fomento.

“Esta edição servirá para interagirmos especialmente com agências nacionais de fomento para fortalecermos as relações institucionais e consequentemente aumentar as possibilidades de fomento pelas mesmas no Mato Grosso do Sul”, conclui Bungenstab.

Na pauta das discussões desta edição do Fórum, destacam-se: Desafios do Marco Legal – Importância do terceiro setor e os desafios da pesquisa no Brasil; Mesa Redonda com representantes do Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação e agências de fomento federais; Palestra sobre visão empreendedora com inovação tecnológica; Mesa redonda sobre a evolução da ciência e tecnologia ao longo dos últimos 10 anos; além de discussões e deliberações internas do Conselho.

Fonte: Portal do MS

Deixe sua resposta

Seu endereço de email não será publicado.