plan cul gratuit - plan cul toulouse - voyance gratuite amour

Fórum Nacional de Emissoras Públicas e IBEPEC se reúnem em São Paulo

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Encontro será realizado nesta quinta-feira tendo como anfitrião José Roberto Maluf, presidente da TV Cultura
LEGENDA: Bosco Martins (ao centro, à esquerda), Sergio Kobayashi (centro à direita) e demais integrantes do Fórum Nacional de Emissoras Públicas de Rádio e Televisão, que se reúne nesta quinta-feira em SP
Bosco Martins (ao centro, à esquerda), Sergio Kobayashi (centro à direita) e demais integrantes do Fórum Nacional de Emissoras Públicas de Rádio e Televisão, que se reúne nesta quinta-feira em SP

Acontece na próxima quinta-feira (29) em São Paulo uma reunião do Fórum Nacional das Emissoras Públicas de Rádio e Televisão e do IBEPEC (Instituto Brasileiro de Empresas Públicas de Comunicação). O encontro, na sede da TV Cultura de São Paulo, terá entre as pautas a eleição do novo corpo diretor do fórum e apresentação do relatório de atividades do instituto, bem como esforços coletivos para a digitalização de acervos e debates sobre a multiprogramação das emissoras.

“Discutiremos na reunião os próximos passos na comunicação pública brasileira, a partir de atos recentes do poder público que incluem a privatização da EBC (Empresa Brasileira de Comunicação), bem como pretendemos valorizar o papel do IBEPEC como um instrumento de interlocução entre as emissoras públicas e a sociedade civil, em especial no campo de parcerias”, afirmou o atual presidente do fórum, Bosco Martins, também diretor-presidente da Fertel (Fundação Luiz Chagas de Rádio e TV Educativa de Mato Grosso do Sul).

O IBEPEC é presidido por Sérgio Kobayashi, vice-presidente do fórum nacional; tem como vice-presidente o procurador jurídico da Fertel, Danilo Magalhães; e como secretário-geral Fábio Borba, que ocupa a mesma função no fórum.

O instituto foi criado como forma de atuar em aspectos jurídicos, legais e comerciais da produção das emissoras públicas, segundo Kobayashi, “sendo uma tendência natural que ele assuma mais papéis em busca da sustentabilidade financeira da produção regional e viabilize, ainda, o compartilhamento e trabalho sincronizado entre seus integrantes”.

Já o fórum segue como responsável pelo diálogo com o poder público, especial o governo federal, na definição das políticas de atuação do setor, “com um papel cada vez mais proativo para criar os alicerces que as empresas públicas de comunicação necessitam para continuar a atuar e se modernizar, diante dos novos desafios que surgem com as tecnologias”, reforçou Fábio Borba.

O anfitrião do encontro será o atual presidente da TV Cultura de São Paulo, José Roberto Maluf. A expectativa é de que representantes de todas as emissoras públicas estaduais participem da reunião, que abordará desafios como a multiprogramação –possibilidade de uso de mais de um canal pelas empresas–, o estatuto do IBEPEC e outros temas de interesse das empresas.

Também participam do encontro o deputado federal Francisco Pinato, presidente da Comissão de Agricultura e Pecuária da Câmara dos Deputados e da Frente Parlamentar Brasil-China e Brics; Regino Barros, secretário-geral da frente parlamentar; e João Carlos da Silva, articulista, consultor e membro da Fenactur (Federação Nacional do Turismo) e secretário-executivo da frente. Barros foi convidado a falar sobre perspectivas para a comunicação pública junto aos integrantes do fórum e do instituto.

A reunião também resultará na eleição do novo corpo diretor do Fórum Nacional das Emissoras, que tem mandato de um ano.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *