Filpo Ribeiro e a Feira do Rolo em destaque Na Cadeira do DJ

Compartilhe:

Filpo Ribeiro e A Feira do Rolo em destaque Na Cadeira do DJ. (foto: divulgação)

O programa Na Cadeira do DJ desta segunda-feira (22/02) a partir das 10:30 na Educativa 104.7 recebe Filpo Ribeiro, músico, pesquisador de MPB e um dos membros fundadores do grupo “Filpo Ribeiro e A Feira do Rolo”. Celito Espíndola conduz a entrevista produzida e apresentada por Gilson Espíndola e Daniel Rockenbach.

Filpo Ribeiro é músico e pesquisador de instrumentos da tradição popular brasileira como rabeca, viola caipira, marimbau e violão. Fundou o premiado grupo “Pé de Mulambo” com o qual lançou dois CDs. Participou e participa de gravação e shows de artistas como Naná Vasconcelos, Siba, Ná Ozzetti, Maurício Pereira, “Cia Cabelo de Maria” e Sebastião Biano, dentre outros grandes nomes da MPB.

“Filpo Ribeiro e A Feira do Rolo” é um grupo paulista que surgiu em 2014 por iniciativa do próprio Filpo Ribeiro, que dá continuidade à sua pesquisa sobre o instrumento musical rabeca, processo iniciado com o grupo “Pé de Mulambo” (2007-2014). Ao lado do músico e produtor Marcos Alma (com quem produziu CDs do “Pé de Mulambo”) forma o núcleo do novo trabalho. Essa “Feira” é complementada por Alisson Lima (percussão e coro) e Lipe Torre (percussão e coro). Juntos no projeto “Rabecada”, o grupo se apresenta sempre aos sábados e domingos, ao vivo, no canal do grupo no YouTube.

A sonoridade explora os timbres de instrumentos como a rabeca, além da viola dinâmica de 10 cordas, pífanos e marimbau, e são acompanhados por zabumba, triângulo e baixo. As composições são de Filpo e integrantes da Feira do Rolo. Os arranjos se inspiram em gêneros que marcaram a formação musical de Filpo, sobretudo ritmos nordestinos como o forró e coco, o repertório das bandas de pífano, samba de roda, e outros ligados à cultura caipira e caiçara do Sudeste como o fandango caiçara, reiada (folia de reis), romaria do divino e lundus do norte mineiro.

O grupo existe desde 2014 e lançou o primeiro CD “Contos de beira d’água” (Tratore) em 2017. O álbum tem músicas de Filpo e Marcos Alma, além de parceiros como o paraibano Ricardo Ribeiro e o fandangueiro caiçara Vlad (Cananéia/SP). O álbum foi contemplado pelo edital ProAc da Sec. de Cultura do Estado de São Paulo, e além da gravação, possibilitou shows e oficinas por diversas cidades.

Em junho de 2018 o grupo se apresentou no Festival Forró de Domingo, em Stuttgart (Baden-Württemberg/Alemanha). Também, por duas vezes, em outubro/2018 e dezembro/2019, Filpo foi convidado para shows, gravações e oficinas ao lado do maestro Michio O’Hara (cravo), pelo Japão, em cidades como Tóquio, Nagoya, Osaka, Komaki, Kasugai e Obu, mostrando a música da rabeca, desde a tradição medieval até sua presença na música brasileira.

Uma das atividades do grupo, interrompida pela pandemia, é o projeto “Rabecada” e “Rubacão”, em bares paulistanos, que propõe em clima de ensaio aberto, roda de forró aberta, que pode receber participações de músicos. O ambiente acolhedor proporciona uma relação estreita entre a ‘plateia dançante’ e os músicos, e formou um público cativo. Do ponto de vista musical, um dos diferenciais em relação aos forrós é a liberdade para improvisos, arranjos e formação instrumental inusitada proporcionada pela presença de músicos de diversos estilos, entre cantores, instrumentistas e mestres da cultura popular.

Passaram pelo projeto artistas como Nelson da Rabeca e Dona Benedita (AL), Zé Pitoco (PE), Oswaldinho do Acordeon (SP), Nicolas Krassik (França), Ricardo Hertz (SP), Carol Panesi (RJ), Tião Carvalho (MA), Irene Atienza (ESP), Mestre Agnaldo do grupo Cavalo Marinho Estrela de Ouro do Condado (PE), Renata Mattar da Cia Cabelo de Maria (SP), entre outros.

No repertório desta apresentação estão músicas próprias e inéditas como Caniné, Casa Amarela e Povo Guerreiro, além de sucessos de Alceu Valença (Fé na perua/Papagaio do futuro), Zé Ramalho (Galope rasante) e Anastácia & Dominguinhos (Quero um xamego). Conheça mais do trabalho do grupo em sua página no Spotify:

 

 

Foto em destaque: Divulgação.

Sintonize – Apresentado por Celito Espíndola e com produção de Gilson Espíndola e Daniel Rockenbach, Na Cadeira do DJ vai ao ar às segundas e quartas-feiras, das 10h30 às 12h, na Educativa 104.7 FM, podendo ser acompanhado também pelo Portal da Educativa (na aba Ouvir a Rádio) ou em formato podcast no Spotify e demais agregadores. O programa Na Cadeira do DJ também está no facebook e no instagram.


Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *