plan cul gratuit - plan cul toulouse - voyance gratuite amour

Equipamento que será usado para prevenir desabastecimento de água já está em Corumbá

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

A Sanesul (Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul) enviou esta semana para Corumbá o equipamento com bombas flutuantes, como forma preventiva, para evitar o desabastecimento de água no município caso o rio Paraguai baixe ainda mais.

A informação é que o equipamento será montado em breve e os testes serão realizados. O anúncio da medida foi feito, nesta quinta-feira (24.09), em reunião com o diretor presidente Walter B. Carneiro Jr, o diretor de Engenharia e Meio Ambiente, Helianey Paulo da Silva, e o titular da Semagro  (Secretaria de Estado do Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar), Jaime Verruck.

 “O Governo do Estado decretou emergência ambiental e nós montamos uma sala de crise hídrica coordenada pela Agencia Nacional de Águas e Saneamento na qual estamos monitorando a questão crítica”, ressaltou Verruck.

Carneiro Junior destacou: “Estamos com um equipamento de bomba flutuante, que será a nossa primeira tentativa, onde vamos produzir 500 metros cúbicos de água. Vamos monitorar dia a dia para ver se resolve”,  disse o diretor-presidente que afirmou, ainda, que a mesma iniciativa já foi implementada em Ladário.

O dirigente acrescentou que caso a medida não surta efeito e  o rio baixe o nível ainda mais será implantado no local as bombas antifibrias e bombas submersíveis. “Vamos trabalhar com o plano A e com o plano B”.

O diretor-presidente da Sanesul enfatizou as medidas realizadas pelo Governo do Estado. “O governador Reinaldo Azambuja levantou recursos de mais de 100 milhões de reais, em captação hídrica, distribuição e tratamento. Em breve estaremos inaugurando uma nova estrutura de tratamento na nossa regional, para dar ainda mais qualidade e certificar essa água que vem do rio”.

Ana Brito, Subcom

Foto: Chico Ribeiro

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.