plan cul gratuit - plan cul toulouse - voyance gratuite amour

Começa nesta quinta-feira o Festival Cultural Virtual do Chamamé de Mato Grosso do Sul

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Começa nesta quinta-feira, 16, e vai até domingo, 19, Dia Estadual do Chamamé, a 2ª edição do Festival Cultural Virtual do Chamamé de Mato Grosso do Sul, evento que exalta um gênero musical que se tornou uma das principais expressões da cultura platina e elo de integração entre Brasil, Paraguai, Argentina, Chile e Uruguai. O Festival estimula cada vez mais o turismo cultural e em Mato Grosso do Sul o Chamamé ganhou força puxado pelo programa de rádio “A Hora do Chamamé”, na Educativa FM 104.7. 

Nos quatro dias de festival (16 a 19), haverá apresentações de músicos de Mato Grosso do Sul e Rio Grande do Sul, e da Argentina, Paraguai, Chile e Uruguai. As apresentações começam sempre às 17h (horário de MS).

Hoje, o Chamamé, decretado como bem imaterial do Estado, está incorporado na cultura, movimenta vários segmentos e faz parte do calendário de eventos artísticos em cinco países. Orivaldo Mengual, idealizador do evento, diz que o Chamamé é também um bem histórico e instrumento de integração econômica e social, há intensa troca de costumes. 

Toda organização do festival tem o suporte do Instituto Cultural Chamamé MS e da FERTEL (Fundação Estadual Luiz Chagas de Rádio e TV Educativa de Mato Grosso do Sul), mantenedora das emissoras da Rede Educativa – TVE e FM 104.7). A realização conta ainda com o apoio do Governo do Estado,  Secretaria de Cidadania e Cultura do Estado e Secretaria de Cultura e Turismo de Campo Grande.

Segundo Mengual, o Instituto Cultural MS Chamamé realiza vários projetos e acordos de intercâmbio cultural com as Províncias de Corrientes, do Chaco, Santa Fé e Entre Rios, na Argentina, e com o Parlamento Cultural do Paraguai, através do Congresso Nacional paraguaio.”O Instituto vem interagindo com todas as regiões para estreitar as relações de Mato Grosso do Sul com a comunidade platina, por meio de convênios, intercâmbios e acordos de cooperação na área do turismo cultural. O Instituto tem sido um dos pilares da integração”.

“Este trabalho é muito importante pois está integrando Mato Grosso do Sul aos vizinhos e parceiros do Brasil, tanto que Campo Grande tornou-se a “Capital Brasileira do Chamamé” e sede do Festival Cultural, um dos mais importantes eventos de promoção da cultura latino-americana”, ressalta Orivaldo Mengual. Segundo ele, o festival nasceu com o projeto de “Intercâmbio Cultural e Turístico”, que teve início em Villa Guilhermina, Província de Santa Fé, em 2015.

Transmissão 

O festival será transmitido pela TVE: Canal 4.1 (Campo Grande e região), Canal 13.1 (Dourados), Canal 45.1 (Chapadão do Sul), 30HD (Bonito) e Canal 15 da NET. Tudo pode ser visto também por receptores de satélite (parabólicas) e plataformas digitais, além de emissoras de rádio e TV e redes sociais nas regiões de Corrientes, Chaco, Entre Rios, Patagônia, Santa Fé, Buenos Aires, Uruguai e Chile.

You Tube – www.chamamems.com

www.portaldaeducativa.ms.gov.br

Facebook:

https://www.facebook.com/2festivalculturalchamame/*

https://www.facebook.com/programahoradochamame/

https://www.facebook.com/2festivalculturalchamame/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *