plan cul gratuit - plan cul toulouse - voyance gratuite amour
Pular para o conteúdo

Institucional

FM 104,7 [ AO VIVO ]

25 de julho de 2024 - 06:02

Combater o assédio moral no judiciário federal e MPU é meta da nova diretoria do Sindjufe-MS

A criação de uma comissão permanente de combate ao assédio moral dentro do poder judiciário federal e Ministério Público da União em Mato Grosso do Sul, para frear os elevados índices desse problema nessas repartições públicas, é uma das ações que serão tomadas imediatamente pela nova diretoria do Sindjufe-MS (sindicato dos servidores da categoria), empossada na semana passada.

“É inadmissível a existência de problemas dessa natureza em que servidores são assediados moralmente dentro de seu ambiente de trabalho. Vamos identificar e denunciar todo abuso desse tipo”, afirmou Celso Neves, o novo coordenador executivo do Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário Federal e Ministério Público da União em Mato Grosso do Sul – Sindjufe-MS.

Na pauta de lutas da nova diretoria estão também: Trabalhar a favor do nível superior para técnicos judiciários (NS); Combater a famigerada Reforma da Previdência, que é prejudicial tanto para trabalhadores da iniciativa pública como privada; Lutar pelo efetivo cumprimento da data-base e pela valorização da categoria e não ministrar a luta sindical com a política partidária.

DIRETORIA – Além de Celso Neves (JFMS), Coordenador Executivo, o Sindjufe-MS traz também os seguintes nomes de sua nova diretoria para o triênio 2018/21: Márcia Pissurno (TRT), Coordenadora Administrativa; Demontiê Macedo (TRT), Coordenador Jurídico; Ivonete Martini (TRE) Coordenadora de Comunicações; Maurício Dutra (TRE), Coordenador Financeiro; Fábio Dantas (TRE), Coordenador de Relações Sociais; Ricardo Homrich (JFMS), Coordenador de Relações Sindicais e Patrícia Barbosa (TRE) Natália Lelles (TRE) e Renata Genoud (TRT), do Conselho Fiscal.

A nova diretoria do Sindjufe-MS traz ainda como propostas: – Conferir transparência total às contas e bens  do sindicato;

– Conferir transparência total  a todas as ações da diretoria colegiada;

– Fazer funcionar efetivamente a comunicação entre os filiados e o sindicato;

– Proporcionar a efetiva participação de delegados do interior nas assembleias do Sindjufe-MS, inclusive mediante o custeio das despesas de deslocamento e estadia;

– Firmar novos convênios e parcerias comerciais que garantam reais vantagens aos filiados;

E alteração e modernização do Estatuto do Sindicato (limite de mandados, participação eletrônica, representação no interior) entre outras.

Fonte: Assessoria Sindjufe-MS  

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *