plan cul gratuit - plan cul toulouse - voyance gratuite amour

Com novo decreto da pesca em vigor, Governo vai intensificar fiscalização nos rios de MS

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Com o início da vigência do Decreto nº 15.166, que instituiu novos regramentos e limitações para a pesca amadora e desportiva no Estado, o governador Reinaldo Azambuja determinou que sejam intensificadas as ações de fiscalização nos rios de Mato Grosso do Sul.

Na manhã desta sexta-feira (1º.3), autoridades da Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro), do Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul), da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), da Polícia Militar (PM) e da Polícia Militar Ambiental (PMA) reuniram-se para traçar estratégias e definir o cronograma de ações imediatas, de médio e longo prazo para intensificar a fiscalização nos rios sul-mato-grossenses.

“Estamos agora em um processo de transição. O novo decreto reduziu a quantidade de captura permitida para a pesca amadora e esportiva na temporada de pesca de 2019 e instituiu a cota zero, para esse segmento somente, a partir de 2020. Na reunião, cada instituição apresentou o que é necessário para intensificar a fiscalização, desde a questão de alocação de recursos necessários, efetivo existente e demais condições”, informou o secretário da Semagro, Jaime Verruck.

O diretor-presidente do Imasul, Ricardo Eboli, lembrou que, em fevereiro deste ano, o Instituto entregou 17 barcos, 9 lanchas, 28 motores de popa, 5 reboques e 4 rebocadores para a PMA, num total de R$ 1,274 milhão em equipamentos, adquiridos por meio de compensação ambiental paga pela Companhia Energética de São Paulo (Cesp). “Também reforçamos o trabalho de orientação e capacitação dos militares da PMA, com base nas alterações que o novo decreto trouxe”, comentou.

O secretário da Sejusp, Antonio Carlos Videira informou que “neste feriado de Carnaval teremos 2,3 mil servidores da Sejusp garantindo a segurança da população. A PMA também deu início à operação Carnaval e vai trabalhar com 354 policiais para combater a pesca predatória nas Bacias dos rios Paraguai e Paraná, já com os novos barcos e equipamentos entregues pelo Imasul”.

Para o secretário-adjunto da Semagro, Ricardo Senna, “a intensificação da fiscalização nos rios também vai auxiliar a detectar as medidas adicionais que podem ser necessárias para a o início da “cota zero”, em 2020”.

Ainda participaram da reunião, o comandante-geral da PM, coronel Waldir Ribeiro Acosta; o sub-comandante da PMA, tenente-coronel, Eduardo Haddad Lane; e o gerente de Administração e Finanças do Imasul, Roberto Silveira Barbosa.

Texto e fotos: Marcelo Armôa – Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.